A Microsoft anunciou nesta semana durante a edição de 2016 do evento Connect() que agora é um membro da Linux Foundation.

Mais especificamente, a empresa anunciou que é membro Platinum da fundação.

Microsoft agora é membro da Linux Foundation

Durante o anúncio no evento Connect(), Chris Wanstrath, CEO do GitHub, destacou que a Microsoft atualmente é uma das empresas que mais contribuem com comunidade open-source.

Microsoft agora é membro da Linux Foundation
Durante o anúncio no evento Connect(), Chris Wanstrath, CEO do GitHub, destacou que a Microsoft atualmente é uma das empresas que mais contribuem com comunidade open-source

A relação da Microsoft com o Linux e com a comunidade open-source vem melhorando nos últimos anos com projetos como o .NET Core 1.0, parceria com a Canonical para incluir o Ubuntu no Windows 10, parcerias com a FreeBSD, Red Hat e SuSE para incluir imagens destas distribuições no Microsoft Azure, lançamento da versão Preview do SQL Server para Linux e a abertura do SDK do Xamarin após sua aquisição pela Microsoft.

Hoje em dia a Microsoft também suporta o Debian no Azure, tem sua própria certificação com foco no Linux e também oferece o Azure Cloud Switch, que é baseado no Linux.

A empresa também já portou o Chakra, que é o mecanismo JavaScript do Microsoft Edge, para o Linux sob o nome ChakraCore e vem trabalhando para atualizar o Skype para Linux.

  • Ariel

    Baboo, qual sua opinião sobre essa atitude da Microsoft de começar a copiar as soluções do Linux para o Windows?

    • Eu vejo o inverso: há décadas as distros Linux copiam o desktop do Windows para tentar atrair (sem muito sucesso) mais usuários para essa plataforma.

      De qualquer modo, a Microsoft suporta várias distros Linux no Azure e há muitos anos ela tem contribuído para melhorar o Linux. Isso é ótimo para quem trabalha com ambientes híbridos..

      • Ariel

        Mas Baboo, isso não ocorre porque os recursos do Windows são fracos?
        Afinal, copiar de algo ruim, gera outra coisa ruim.

        • Windows é imbatível em recursos e tem um ecossistema imenso que tem tudo que os usuários precisam..

          • Ariel

            Mas Baboo, isso não ocorre porque os usuários Windows muitas vezes são preguiçosos?

          • Somente amantes do Software Livre deliram achando que as pessoas vão se interessar a “aprender” um novo sistema operacional que faz MENOS do que o sistema operacional que elas usam e ainda por cima defender uma “filosofia” completamente furada…

            Na prática o usuário comum precisa utilizar o computador durante o horário de trabalho, e no final da tarde desliga-o para ir embora. O computador e o sistema operacional são apenas ferramentas, não sendo objetos de adoração..

  • Cleber

    Eu acho é muito bacana mesmo. Usuários do Windows sempre usam um aplicativo ou mais da comunidade. Mozilla VLC LibreOffice qBittorrent por aí vai.

  • Daniel Nobre

    Poxa, muito bacana mesmo.

    Aproveitando o gancho, o programa Visual Studio Dev Essentials (https://www.visualstudio.com/dev-essentials/) agora inclui uma assinatura da Linux Academy. Aproveitem!

  • Baboo, você fala (e eu concordo) que o Linux é um fracasso para o usuário final e usar no desktop é bobagem. Porém o Gabriel Torres no seu livro Redes de Computadores 2a edição fala que a maioria dos servidores hoje usa Linux (não estou com o livro aqui agora, amanhã vou escrever a frase exata que está lá) e se não me engano você certa vez disse o contrário (MS é maioria em servidores). Eu te pergunto: Na sua opinião, o Linux é bom para quê, exatamente?

    • Há mais de uma década vende-se muito mais servidores com Windows do que Linux, sendo que em 2004 as vendas com servidores Windows já eram mais do que o dobro da venda de servidores com Linux. O uso do Windows é tão comum que a mídia não perde mais tempo postando algo tão mundano.

      Todo sistema operacional tem seu nicho e o nicho do Linux é superservidores (que na prática são calculadoras imensas) e uso com aplicações específicas (mail server, por exemplo).

      No passado o Windows era muito caro e não era bom para hospedagem de milhares de sites, e com isso o uso do Linux era comum em datacenters, mas desde que a Microsoft disponibilizou a versão Web Server e Core e “refez do zero” o HTTPS.sys, o Windows pode ser utilizado para hospedar milhares de sites sem problemas de performance como antigamente. Atualmente o custo para usar Windows em servidores é muito baixo, além da excelente performance em máquinas virtuais, tornando-o uma excelente solução.

      O Azure provê uma solução completa para quem quer usar Linux e não se preocupar com hardware – tanto que 30% dos clientes do Azure usam Linux..

      • Lucas Silva

        O problema do Linux é a falta de softwares e a usabilidade. Conheço muitas pessoas que o utilizam, assim como eu que uso em casa e gosto.

        Uso Windows para outras coisas mas não acho que o Windows ou Linux sejam melhores, cada um atende a uma determinada necessidade.

        Não acho que o Linux seja um fracasso, se acha que é um fracasso você é um Xiita Windows!

        Mude essa palavra para: Cada sistema atende a sua necessidade que ficará adequado!

        • Você não entendeu. Eu disse que o Linux é um fracasso em DESKTOPS, não um fracasso geral.

      • Certo.
        Apenas cumprindo o que havia prometido, segue o trecho do livro (Gabriel Torres – Redes de Computadores – versão revisada e atualizada – 2a edição – pág. 624):

        “- De acordo com pesquisa da W3Techs, em servidores de Internet, o Linux e o Unix (do qual o Linux é derivado) têm uma participação de mercado de 67%, contra 32,6% do Windows (dados de março de 2014, veja http://w3techs.com/technologies/overview/operating_system/all para informações atualizadas. Isso significa que para cada servidor Windows existente, há dois Linux/Unix e, portanto, a probabilidade de você ter que lidar com servidores usando Linux é muito maior.”

        • Existe uma imensa diferença nas estatísticas, pois enquanto a W3Tech contabiliza apenas 10 milhões de sites do Alexa (https://w3techs.com/technologies ), a IDC contabiliza o número de servidores efetivamente vendidos.

          Contabilizar o número total de sites gera uma estatística fictícia na contagem de servidores, pois por essa metodologia um único servidor Linux com 10 mil sites hospedados contabiliza como 10 mil servidores Linux – algo que não faz sentido algum. A Netcraft faz o mesmo..

          Na prática o número de webservers não tem relação alguma com o número de servidores vendidos.

  • jsm

    o linux não tem dono,logo não pode ser comprado.

  • Cristian

    Ela vai é acabar comprando o Linux e depois descontinuar ele.

    • Lucas Silva

      Também pensei nisso hoje! Como ela sempre fez com vários produtos…

    • Luiz Ricardo

      Comprar o Linux…é sério , ou sarcasmo?

  • Saga

    Alguém leu as duras críticas que o Eugene Kaspersky fez no blog dele contra a Microsoft? https://eugene.kaspersky.com/2016/11/10/thats-it-ive-had-enough/

  • Everton

    Stallman agora pira com certeza…..

  • Hal-Nacho Loser

    Acho ótimo. Os dois só tem a ganhar.
    Nossa! Nem parece eu falando…

    Mas é tudo verdade.
    :-|

  • Luiz Ricardo

    Os fins justificam os meios …

    • Saga

      Né.

  • Julio Vaz

    *************************************Importante************************************************************ Para quem acha que a noticia que Microsoft investe pesado em Linux é recente, esta redondamente enganado!!!!!
    A muitos anos que a Microsoft contribui positivamente no desenvolvimento e melhora do sistema Linux.

    Noticia 04/04/2012Microsoft é dos principais contribuintes para melhoria do Linux https://lnkd.in/eKMCKyJ
    Noticia 16/11/2016 Microsoft anuncia sua entrada para a Linux Foundation https://lnkd.in/dfUYGNX…exibir mais exibir menos

  • Julio Vaz

    *************************************Importante************************************************************ Para quem acha que a noticia que Microsoft investe pesado em Linux é recente, esta redondamente enganado!!!!!
    A muitos anos que a Microsoft contribui positivamente no desenvolvimento e melhora do sistema Linux.
    A Microsoft só tende a ganhar cada vez mais com atitudes como esta, já não podemos apostar no lado contrario que prefere ficar metendo o pau do que tentar alianças, isso é atitude de alguns Xiitas sem noção.
    Noticia 04/04/2012Microsoft é dos principais contribuintes para melhoria do Linux https://lnkd.in/eKMCKyJ
    Noticia 16/11/2016 Microsoft anuncia sua entrada para a Linux Foundation https://lnkd.in/dfUYGNX…exibir mais exibir menos

  • DarthTheme

    Então agora a Microsoft pode propor o fim do Linux?

  • Cleber

    A maioria já suspeitava né ? Fim do suporte da Mozilla Firefox no Windows XP. Eu pessoalmente faço uso do Google Chrome.

    • Elias

      What? Chrome já não é suportado nem no Windows Vista faz tempo. A não ser que seja uma versão bem antiga (mas que não mais atualiza). Muito menos no Xp.

      • Cleber

        Cara tá viajando ? Falei bem claro para quem ainda usa o XP. Que não é meu caso, acredito que nem o seu também. Beleza kkkkkkkkk

      • Cleber

        Cara pode acreditar serviços públicos e micros empresas ainda usam esse sistema arcaico. O Mozilla é o único software de confiança que suporta o XP.
        Há o Panda Free também tem suporte ao XP. Faço uso do Avira e Chrome.