De acordo com novos dados divulgados pelo National Vulnerability Database (NVD), OS X, iOS e Linux são mais vulneráveis que o Windows.

O NVD divulgou o número de vulnerabilidades reportadas em 2014 para cada um dos sistemas operacionais e o resultado compilado pelo blog GFI pode ser uma surpresa para quem acha que OS X e Linux são totalmente seguros.

Em 2014, o OS X teve 147 vulnerabilidades reportadas. Deste total, 64 são de alto risco e 67 são de médio risco. O iOS ficou em segundo lugar com 127 vulnerabilidades, sendo 32 delas de alto risco.

O Linux ficou em terceiro com 119 vulnerabilidades (24 de alto risco).

A versão mais recente do Windows, a 8.1, teve 32 vulnerabilidades reportadas. Deste total, 24 são de alto risco.

Já o Windows 7 e o Windows 8 tiveram 36 vulnerabilidades reportadas. Deste total, 25 são de alto risco no Windows 7 e 24 no Windows 8.

O Windows Server 2008 e o Windows Server 2012 tiveram 38 vulnerabilidades reportadas, sendo 26 de alto risco na versão 2008 e 24 na versão 2012.

No geral, o número de vulnerabilidades no banco de dados do NVD apresentou um grande crescimento em 2014.

Em 2013 o banco de dados do NVD tinha 4.794 vulnerabilidades registradas e em 2014 este número saltou para 7.038. O número de vulnerabilidades de alto risco é relativamente baixo, mas ainda assim, este crescimento no número geral é algo preocupante.

OS X, iOS e Linux são mais vulneráveis que o Windows:

OS X, iOS e Linux são mais vulneráveis que o Windows

  • MVP_Baboo

    As postagens neste tópico estão temporariamente suspensas pelo excesso de mensagens mal-educadas de defensores do Linux. Descansem suas cabecinhas por uns dias..

  • Vicente Daby

    E eu acho que vc ta certo em querer defender a microsoft, pois vc trabalha pra ela e vc tá certo em manter seu emprego boa tarde.

  • Alfredo

    OKS… QUANDO VER PAPAI NOEL MANDA UM OI PRA ELE. KKKK

  • Birdman

    O tanto de profissionais contestando esses dados nos comentários, mostra que os mesmo devem ser no mínimo revistos. No desktop utilizo windows 8 por falta de opção, pois os fabricantes não implementam drivers para linux. Creio que esse é um dos fatores determinantes para o linux não passar dos 1%. Quem utiliza linux a algum tempo com certeza já enfrentou esse empecilho. Quem já tem uma certa expertise consegue se virar, mas o usuário final não. Uma empresa que precisa chantagear os fabricantes dessa forma claramente não confia na qualidade do produto que vende então, porque eu vou confiar?

    • Alfredo

      O problema que muitas vezes a distro escolhida são para pessoas mais avançadas.
      Recomendo tu usar o Ubuntu, provavelmente seu drivers serão todos reconhecidos.

  • Wilson

    Desculpe-me, mas porquê sempre as notícias mais comentadas neste site envolvem os concorrentes da Microsoft? Até aqui falar de Apple gera mais cliques. Ok, neste caso tem o Linux, mas ainda não esqueço a comediante postagem da Apple utilizando windows em sua linha de montagem. Como se as linhas de montagem não fossem terceirizadas!!! Foxconn et al.

    • MVP_Baboo

      Isso acontece pois aparentemente os fanboys e zealots não aceitam o que acontece no mundo real (longe daqui) e com isso os debates ficam intermináveis..

      E a notícia da Apple é ótima pois mostra a hipocrisia máxima de uma empresa que sempre criticou o Windows mas depende dele para fabricar seus brinquedinhos – seja via Foxconn ou não :)

      • Wilson

        Acho esse site muito bom e os tutoriais são de grande valia. Sempre o visito, até porque sou usuário de Windows. Realmente só não entendo o por quê dessa animosidade em relação aos concorrentes. A meu ver, o moderador não deveria tecer comentários desse tipo. Sem querer ofender, mas fica a impressão de despeito. Acho que isto destoa da qualidade e reputação que o site conquistou ao longo desses anos. Baboo, verdadeiramente, te desejo sucesso sempre!

        • MVP_Baboo

          Wilson, eu trabalho com Windows desde 1987 e trabalho com TI desde então. Nesses 28 anos eu vivi centenas de situações e eventos relacionados com Windows/Microsoft x Mac/Apple e Windows x Linux – algo que 99,99% das pessoas nem imaginam.

          O fato de ser MVP e ter contato com centenas de profissionais do mundo todo que gerenciam redes, ambientes e datacenters há décadas ajudou a complementar o meu conhecimento.

          Apenas um exemplo simples: em 1999 eu estive pessoalmente no lançamento do InDesign 1.0 em São Francisco em um evento conjunto da Adobe e Apple. O evento reuniu mais de 500 pessoas, e durante a apresentação o palestrante da Apple mentiu descaradamente sobre o Windows NT, “provando” que os Macs (tranqueiras que usavam PowerPC!) eram melhores. No Q&A final com interação da platéia, eu perguntei para ele o quanto ele realmente sabia sobre Windows NT para criticá-lo, já que o gerenciamento e compartilhamento de memória eram vastamente superiores à arquitetura do PowerPC. Depois de alguns segundos em silêncio, ele sorriu amarelo e pediu para outra pessoa fazer outra pergunta.

          Conclusão: se eu me proponho a discutir com um minion de Cupertino no outro lado do nosso planeta, porquê eu não faria isso com internautas no meu próprio site? :)

          Aqui no BABOO os internautas sabem com quem estão discutindo – ao contrário da imensa maioria dos demais sites cujos donos não têm nenhum conhecimento técnico e estão no ar apenas para aumentar a audiência e ganhar dinheiro – e por mais absurdo e irreal que seja o argumento de alguns, mesmo assim eu dou atenção e respondo..

          Se o internauta quer discutir comigo, ótimo, mas ele precisa vir com excelentes argumentos, fatos reais, links, e raciocínio claro e inteligente que comprove o que defendem – mas o que eu vejo é molecada que depende do Google e Wikipédia para pensar. Daí fica difícil mesmo..

          Para finalizar, usuários de Mac e Linux nem deveriam vir aqui pois o site não tem NADA para eles. O que você espera se 99% deles vêm aqui somente para discutir e contrariar? …

  • João Batista Firmino

    É quase uma piada rsrsrs

    O linux (tem debian, ubuntu, red hat, centos, slackware, Android e outros)
    ele soma todas as vulnerabilidades e no windows ele deixa separado.

    Digamos que no windows seja a mesma vulnerabilidade que passou entre
    gerações e que deveria ser contada como 1.

    Nesse caso, as vulnerabilidades anunciadas são correções do sistema geral. Dá
    pra ver que a M$ faz de forma bem mais lenta (menos correções e permanece ainda
    com muitos problemas de segurança. O calcanhar de aquiles do windows é o
    protocolo RDP que vive sendo corrigido através dos anos e que todo problema que
    acontece nele sempre é muito grave).

    Sobre lentidão, lhe dou quase 20 anos https://tecnoblog.net/169460/falha-winshock-windows/

    Que não corrigem direito e vira notícia de novo em abril desse ano http://pplware.sapo.pt/microsoft/windows/bug-com-20-anos-volta-a-assombrar-o-windows-e-esta-activo/

    O kernel do linux é de código aberto e a comunidade pode verificar e
    submeter correções no mesmo para melhorar desempenho, segurança e adicionar
    funcionalidades,… Isso explica como encontram tantas falhas e as resolvem de
    verdade (o ios usa no kernel o código aberto do freebsd, o que explica tantas
    correções tb)

    [Explicações da diferença de código aberto e plataforma aberta aqui: http://techmania.com.br/nao-confunda-codigo-aberto-com-plataforma-aberta/
    ]

    Quanto ao windows, Renata clicou numa coisa que não devia e o problema
    alastrou-se no windows de uma forma que nem o anti vírus tirava.

    No linux o problema limita-se no máximo a apenas o navegador e nem precisa de
    anti vírus (que fica comendo processamento).

    Por fim, recomendo a leitura dessa matéria.

    http://www.gamevicio.com/i/noticias/213/213531-ubuntu-e-o-sistema-desktop-mais-seguro-segundo-o-governo-do-reino-unido/index.html

  • Rogério

    Então, esses números perto do Windows não representa nda, acredito que o MAC OS X tenha mais usuários que o Linux, pq no Japão por exemplo é dividido entre Windows e Mac OS X.

    Vc ainda terá que tirar aqueles que usam ambos, que é o meu caso, Ultilizo Windows e Linux. Então para desktop, linux não oferece perigo algum para o Windows.

    Que a Microsoft pode “cair” isso pode, pq a gigante Google só usa linux em seus servidores, e fizeram a distro Goobuntu para uso interno na empresa, sendo assim acredito que a preocupação da Microsoft é do linux no servidor , não é atoa que ela tem Suse, CentOS,Ubuntu entre outros no Azure.
    A questão da BIOS concordo com o Baboo

  • MVP_Baboo

    Linux no desktop está estagnado desde sempre nos 1% pois na prática as pessoas não PRECISAM mudar do Windows – tanto que muitos preferem continuar usando o XP de 2001.

    A decisão do que fazer com a BIOS é decisão do fabricante – e não da Microsoft! Você tem BIOS da ASUS e Gigabyte que permitem overclock de praticamente tudo, enquanto há BIOS de outros fabricantes que impedem qualquer mudança (provavelmente para economizar no suporte).

    Muitos adoram o Windows 8.x e alguns reclamam até do Windows 7 pois é impossível agradar 1,5 bilhão de usuários! Eu pessoalmente estou me lixando para Linux, MacOS ou qualquer outro SO que não seja Windows, mas quando há tópicos (como o artigo acima) que abordam ele, as discussões não acabam nunca..

  • MVP_Baboo

    1. Da mesma maneira que o Hotmail utilizava vários sistemas operacionais quando a Microsoft comprou a empresa, o mesmo acontece com Skype e outras empresas adquiridas pela Microsoft: os serviços deles continuam funcionando como sempre, sem nenhuma alteração. A migração do back-end é complexa e cara, e pode levar vários anos – principalmente para não haver interrupção do serviço. Com o Azure isso deixa de ser necessário, pois é possível rodar essas aplicações em máquinas virtuais – tanto que mais de 20% do faturamento do Azure vem de clientes que rodam Linux nele.

    Cada dia aumenta mais a quantidade de empresas que rodam Linux sob Windows (Azure), algo que pode ser considerado uma evolução fenomenal para o Linux.. hehehe..

    O mais divertido é ver que a Microsoft ajuda a comunidade SL muito mais do que as próprias distros Linux! Mesmo ela tendo contribuído mais do que a própria Canonical http://www.theinquirer.net/inquirer/news/2166123/microsoft-contributed-code-canonical-linux-2632 alguns riem e criticam ela! Mais invejosos, impossível :)

    2. Isso acontece pois o Windows tem o melhor custo/benefício: uma vez que você utiliza ele, você não precisa de mais nada – e às vezes não precisa nem de uma versão mais nova do Windows. Por este motivo o maior concorrente dos Windows novos (7, 8.x, 10) são as versões mais antigas dele – e não Linux, MacOS, Logo ou o que for..

    3. A liberdade de escolha no Linux é somente na distro, pois nas aplicações (incluindo jogos) isso não existe: as pessoas precisam do Windows. O “computador para todos” foi um fracasso descomunal justamente por causa disso: as pessoas querem utilizar as aplicações que elas gostam e precisam – e não “cópias paraguaias”, limitadas e mal-acabadas do Linux. Leia http://linuxfonts.narod.ru/why.linux.is.not.ready.for.the.desktop.current.html e você compreenderá os problemas do Linux no desktop..

    • Alfredo

      Vamos la então…

      Liberdade esta apenas nas distro então ? Oks…

      Primeiro de tudo o Windows de maneira geral é fechado, você é
      limitado para fazer as modificações, no Linux tudo é customizável,
      o Kernel é livre para você acrescentar alguma coisa ou simplesmente
      criar um novo OS. Eu vejo Windows como TV aberta (não tem muitos
      canais, mais da pra passar o tempo) e vejo Linux como TV paga (Tem
      vários canais, te dando variedades imensas do que assistir).

      Aplicações: Você acha basicamente qual quer tipo de aplicativo que
      consegue fazer o mesmo de grandes apps.

      Para o Photoshop temos o GIMP
      Para o Corel ou Illustrator temos o Inkscape
      Para o Nero temos Brasero
      Para o MS Office temos o Libre Office
      Para Cinema 4D ou 3D Max temos o Blander
      Obs.: Uso diretamente GIMP, Inkscape e LibreOffice, nunca me deixaram
      na mão.

      Agora vamos fazer um calculo:
      Corel + Photoshop + MS Office + Nero+ Cinema 4D: +/- R$ 3359 + $3000 do Cinema 4D.

      GIMP + Inkscape + LibreOffice + Brasero + Blander: FREE

      Jogos… A cada dia esta aumentando a quantidade de jogos que estão
      indo para o pinguim… STEAM que o diga, temos muito títulos
      inclusive games lançados a poucos.

      A quantidade subirá quando sair VULKAN. Saindo esse projeto pode ter
      certeza que terá muito mais jogos. Até o momento temos mais de 2
      mil jogos (apenas na STEAM).
      http://store.steampowered.com/search/?os=linux

      Pode ter sido um fracasso, mais caso quisesse tirar o Linux, você
      conseguiria colocar o Windows

      Caso contrario do que acontece com muitos Nots com Windows 8 por
      aeee… Já estão tirando até opções da Bios. Linux não precisa
      prender ninguém pra ter usuário, muito pelo contrário usa quem
      gosta de usar.

      Cópias paraguais… kkkk… Linux é tão paraguai que o próprio
      Windows copia ferramentas dele:
      http://www.techworld.com/operating-systems/eight-features-windows-8-copies-from-linux-3337293/

      Outra coisa amigo, Windows é tão bom que quando o sistema trava já
      era.

      Windows é tão bom que tela azul eu já vi aos montes no meu PC e de
      outros. (Engraço que teve um época das telas azuis que eu usava
      dual boot..) No meu Ubuntu nunca aconteceu isso, NUNCA!!!

      E digo mais, o Windows é o mais pirateado do mundo (tenho certeza
      que ele vale tanto que a maior parte dos usuários nem tem coragem de
      pagar por uma cópia original.

      Nosso querido Windows sendo usado no banco

      http://gizmodo.uol.com.br/para-roubar-um-caixa-eletronico-basta-teclado-e-pen-drive/

      >Suporte a Hardware (nunca tive problemas).

      Placa de Vídeo: Problemas com placas de vídeo, isso tinha um pouco
      na versão 14.04 era o que diziam… Eu mesmo nunca tive problemas
      com isso. Na versão 15.04 já tem um gerenciador de drivers… Tenho
      uma Radeon (que dizem dar mais problemas do que NVIDIA e aqui
      funciona de boa, nunca deu qual quer problema. Faço edição de
      imagem, vídeo… tudo (informação não atualizada pela site)).

      Driver Mobo: Drivers de placa mãe tu se ferra um pouco no Windows,
      principalmente se o Hardware for atual (o que mata é quando não
      reconhece o driver da placa de rede… Isso não acontece no Ubuntu).

      >Sistema de Áudio… Sei lá só uso pra ouvir música mesmo,
      então para mim não faz tanta diferença.

      > Impressoras… Parcialmente, pra quem é leigo procurando no
      Google você consegue encontrar meios de instalação.

      >Problemas com o OpenGL: O que acho engraçado é que os games da
      Valve estão rodando no Linux com FPS maior do que no Windows .
      (Bugs de gráfico, só achei em um game até o momento… Trine 2 (os
      efeitos de luzes não são totalmente transmitidos)…. Aguardando
      Vulkan.

      >E tem os outros que nem li… Porque os primeiros não fizeram
      nem sentido.

      Sistema mal acabado é isso aqui:

      https://www.youtube.com/watch?v=Ee2p89DAu6Y

      Mesmo a Canonical tendo 6 meses para criar o Ubuntu, não acontece
      esses erros grotescos.

      E como eu mostrei anteriormente no link abaixo a contribuição da MS
      não foi nada grandes coisas.:
      http://www.theregister.co.uk/2013/09/16/linux_foundation_kernel_report_2013/

      Então por favor sem historinha de papai noel pra nozes.

      Para o pessoal que fala mal do Linux, use primeiro antes de encher
      sua boca (ou escrever) baboseiras. Percebo que a grande parte que
      fala mal aqui nunca usou, então digo use o sistema verdadeiramente
      para fazer algum comentário válido.

      Valeu a todos e desculpe qual quer erro de PT.

      • MVP_Baboo

        1. Windows tem o maior ecossistema de aplicações – e isso é o que interessa para as pessoas. Ninguém deseja usar um sistema operacional que não tem aplicações para ele.

        2. Photoshop e Corel são usados por empresas – e não consumidores. Além disso os valores que você citou estão fora da realidade: Photoshop custa R$ 22 por mês https://creative.adobe.com/pt/plans?store_cod=pt&promoid=KSDPY e universitários/estudantes pagam R$ 220 pelo Corel X7 (ou apenas R$ 99 pelo Corel 12) http://www.eng.com.br/novosite/software/corel/reserva/ . Office tem versão gratuita online (basta ter uma conta outlook.com) tem versão gratuita para estudantes https://products.office.com/pt-br/student/office-in-education e a versão paga p/ 2 PCs, Macs ou tablets, incluindo iPad, Android ou Windows, mais 2 telefones custa
        R$ 259 para estudantes http://www.microsoftstore.com/store/msbr/pt_BR/pdp/Office-365-University/productID.260738300 .

        3. Steam éuma boa iniciativa, mas não chega perto da quantidade de games existentes para Windows

        4. Há BIOS da ASUS e Gigabyte que permitem overclock de praticamente tudo, enquanto outros fabricantes evitam alteração de configuração (para diminuir o custo de suporte caso o usuário faça besteira). Quem define como a BIOS funciona é o fabricante – e não a Microsoft.

        5. As pessoas pirateiam por hábito, e não custo – ou não haveriam versões piratas de software que custam R$ 29 e apps que custam menos de US$1.

        6. Se um caixa eletrônico pode ser roubado via pendrive, a culpa é da equipe de desenvolvimento e segurança do banco (ainda mais por usarem XP Embedded de 15 anos atrás) – e não do Windows em si. Aplicações Windows fazem o que o desenvolvedor programa e elas não têm vida própria..

        7. Se você é o único aventureiro de Linux no mundo que não tem nenhum problema listado em http://linuxfonts.narod.ru/why.linux.is.not.ready.for.the.desktop.current.html , ótimo, mas o seu caso não é representativo. A cidade de Munique foi um excelente caso representativo de uso do SL em 2004, aonde decidiram usar Linux. Anos depois eles cansaram de tanto amadorismo e problemas e voltaram para Windows http://www.neowin.net/news/munich-germany-realizes-that-deploying-linux-was-a-disaster-going-back-to-windows . Perceba que NENHUM governo no mundo e NENHUMA empresa do mundo (exceto as que vendem SL) implementaram Linux em grande escala – e isso seria sensacional para eles “cortarem custos” e “customizar” o que quiserem. Porque será? :)

        8. Ubuntu sem erros grotescos?? Que tal ele ser rechaçado pela própria GNU Foundation(!!) por incluir spyware na sua instalação?? http://www.gnu.org/philosophy/ubuntu-spyware.en.html

        Atualize-se antes de (palavras suas) “encher sua boca (ou escrever) baboseiras”. Antes de vir aqui defender o Linux ou compará-lo com Windows, atualize-se para não errar tanto..

  • Vanessa Machado

    Tão inseguro que foi considerado pelo governo do Reino Unido a opção mais segura.
    http://www.diolinux.com.br/2015/05/ubuntu-e-o-sistema-mais-seguro.html

  • homemvoador

    Sistemas Unix mais vulneráveis que Windows…kkkk! Pensei que com a saída do Balmer a Microsoft tinha se tornado mais racional, mas com o tempo vocês vão percebendo que o mundo não é Microsoft, o mundo é livre e ninguém quer mais ficar refém destas ditaduras do tio Bill, tanto que a própria Microsoft abriu o código do C# e jogou ele no Github porque senão ia morrer. O mundo fala em nome da portabilidade e não de plataforma proprietárias. Windows 10 vai ter de rodar apps de Android e IOS para sobreviver pagando engenharia reversa para a Cyanogen, francamente…
    Se os sistemas Unix são mais vulneráveis que Windows, procure então na lista dos maiores supercomputadores do mundo e veja se algum deles usam Windows(http://top500.org/).

    • MVP_Baboo

      Essa demagogia barata não muda o fato do Linux ser um absoluto fracasso no desktop pois o mundo não cai na conversa fiada de “mundo é livre” e “ditadura do Windows” – tanto que as pessoas preferem usar Windows de 2001 (XP) do que Linux de 2015. Isso acontece por o Windows ser uma SOLUÇÃO, enquanto o Linux é apenas um sistema operacional.

      Portabilidade é desktop, pois não há nada mais proprietário do que os smartphones aonde o usuário sequer tem a opção de trocar de SO. E se ele usa Android, pior ainda pois tem vulnerabilidade importante que o Google se recusa a corrigir http://arstechnica.com/security/2015/01/google-wont-fix-bug-hitting-60-percent-of-android-phones/ e seus dados continuam ali mesmo depois de apagar tudo http://arstechnica.com/security/2015/05/flawed-android-factory-reset-leaves-crypto-and-login-keys-ripe-for-picking/

      Supercomputadores (que são basicamente calculadoras ultra-rápidas) é um nicho de Unix/Linux, enquanto desktop é um nicho do Windows. Não faz sentido comparar dois ecossistemas totalmente diferentes. http://www.netmarketshare.com/operating-system-market-share.aspx?qprid=10&qpcustomd=0

      • Alfredo

        1) Se o Linux é um fracasso porque a MS usa nos servidores…. Cara isso vocês nunca vão ter resposta (abaixem as cabeças então). E o CEO da MS disse que ama o Linux.

        2) Oks de fato, mais Windows 8 e Windows 10 não esta sendo bem aceito. O preferido ainda é XP e Windows 7, sabem disso.

        3) Windows é uma solução pra que ?? Talvez para aborrecer o usuário ou algo do tipo kkkkkk.

        • homemvoador

          Eu acho que este administrador tomou chá de cogumelo.

        • Rogério

          1) Pq Satya Nadella é um visionário e quer encher os cofres da Microsoft, se ele for contra o Linux a Microsoft não compete no mercado com Gigantes tipo Google e Oracle.

          2) Windows 8 eu concordo, Windows 10 vamos ver…apesar que o Windows 8.1 está bem melhor que o Windows 7, mas as pessoas colocam na cabeça que o Windows 8 é ruim e pronto, é por isso que o Linux não sai dos 1% de ultilizadores.

          3)O windows é solução pq as pessoas tem preguiça de conhecer o novo, criticaram a interface metro do windows, e a microsoft vai voltar com o menu iniciar no Windows 10 para fazer a vontade dos usuários comodados. Então o Windows é uma solução, pq me responde qual é a probabilidade de um usuário que reclama de uma mudança de interface do Windows em ultilizar o Linux? ao menos testar..rs

          • MVP_Baboo

            1. Linux é fracasso no desktop. Independentemente disso a Microsoft suporta o Linux nativamente no Azure. Ela não precisa se preocupar em “competir com gigantes” pois Google vende banners e Oracle vende database, enquanto a Microsoft lucra com Windows e Office.

            2. Linux não sai de 1% desde SEMPRE mesmo sendo gratuito – e isso é culpa dele mesmo, não do Windows.

            3. Ninguém deseja em trocar um produto por algo pior, e “preguiça de conhecer o novo” é demagogia pois ninguém quer trocar uma solução que resolve totalmente seu problema (Windows) por uma solução incompleta (Linux). Com Windows as pessoas pdem fazer TUDO que quiserem utilizando as apliações e periféricos que elas desejam sem precisar “emular” nada nem utilizar aplicações “similares’. Por isso o Linux continuará sempre limitado a 1%: existe uma solução muito melhor no mercado – e ela se chama Windows.

        • MVP_Baboo

          1) Microsoft não usa Linux nos servidores. As infos da Netcratt (que inclui até IIS 8.5 rodando sob Linux!) mostram os servidores de cache da Akamai – e não os servidores reais. Há muitos anos a Microosft apoia o Linux (em 2012 ela foi a maior contribuidora para o kernel dele) e ela lucra $$$ com esse sistema operacional no Azure.

          2) Sim, mas são Windows do mesmo jeito.

          3) Windows é solução para praticamente todos os nichos em desktop e por isso ele é tão utilizado.

          • Isac Ðaniel Petinate

            Você é fanboy do Windows e isso é fato, não quero discussões (até por que deu para reparar que você é bem arrogante, tem perfil agressivo não aceitando a realidade nem a opinião dos outros a sua volta, além de muitas outras coisas ruins que reparei sobre você, porém não quero ser antiético)
            Antigamente eu odiava Windows (o WinXP por exemplo odeio até hoje), já usei iOS (com JailBreak sem problemas), acho o OS X interessante mas não uso, já usei Ubuntu, Debian, e atualmente uso Fedora e Kali.
            Cada um destes sistemas supre uma necessidade.
            Você vir falando do Linux e do OS X, só mostra alguma certa frustração com determinada “coisa” existente entre eles. Você fala dos outros sistemas de forma agressiva (colocando seu lado profissional de 28 anos em dúvida, pois o nome já diz “profissional” tente aplicar isso em seus post, e não quis dizer dúvida sobre ter realmente os 28 anos, mas se eles foram corretos ao longo do tempo que se passaram).
            Sobre a ideia principal do post, todos estes sistemas tem vírus, uns mais que outros, isto é fato. Mas dizer que um é “pior” que o outro por causa de “vírus” é um erro grave que um “profissional” não deve cometer. Como foi dito muitos supercomputadores usam “Unix” (ou talvez uma distro “LINUX” alterada de acordo com a necessidade), e muitos programadores, profissionais de segurança e “hackers” (não confundir com “crackers” ou “script-kiddies”) utilizam Linux (ou “Unix”) em suas maquinas e isto atrapalha eles? NÃO, pelo contrário traz uma flexibilidade maior, e SOLUÇÃO para seus problemas. Eu não vejo nenhuma “SOLUÇÃO”(que você tanto menciona) no Windows a não ser uma experiência melhor para gamers e usuários básicos, pois estes na maioria dos casos não sabem usar um “terminal” nos sistemas Unix e Linux (e 98% nao sabe usar o CMD do Dos/Windows). A tal solução do Windows só se da quando um usuário só precisa baixar e dar dois cliques em um programa, ao invés de digitar “sudo apt-get ‘nome do software’ “. Grande parte das empresas de servidores oferecem Linux e Windows, se o Linux fosse tão vulnerável assim, elas o descartariam e ofereceriam somente o Windows. O fato do Windows ser mais popular se deve ao fato citado anteriormente “Gamer e Basic Users” que preferem somente usar o Chrome, Word, PowerPoint, e jogar em suas máquinas, e você com seus 28 anos de carreira deve saber bem que a industria caminha pro lado dos lucros (Sou estudante de Administração (além de desenvolvimento de software), tudo gera em torno do “Lucro” e satisfação do cliente) , então o Windows por ser mais fácil de utilizar (daí a tal da SOLUÇÃO oferecida) se torna alvo dos fabricantes, criando a falta de drivers para outros SO’s , pois 98% da industria se concentra em desenvolver produtos para o Windows ou que tenham o Windows instalado. Eu não tenho mais nada contra os SO’s, uso Windows, Fedora e Kali (e estou prestes a usar CentOS em um projeto com servidores que estou criando) e em meu celular utilizo Windows Phone que eu “amo” digamos e estou prestes a comprar um Nexus pra utilizar o Ubuntu Phone (Touch ou Mobile como preferirem) e não me incomodo com vírus e outras coisas, sei bem como me proteger no mundo dos binários, e de que adianta ter um anti vírus no Windows ou Linux, e ser atingido com uma praga em Assembly ou Basic que seu anti vírus não ira detectar???
            Repense sobre seus conceitos e atitudes como profissional antes de falar mal das coisas. Abraços e boa sorte com o site, apesar de tudo ainda continuo acompanhando noticias e não quero abrir discussões agressivas nos comentários, não venho aqui para discutir, mas sim para adquirir conteúdo.

          • MVP_Baboo

            Isac, eu sou especialista em Windows. Isso não é fanboyismo (que adota qualquer coisa por motivos não-técnicos). Poste com educação e terei prazer em discutir com você.

      • homemvoador

        Cara, você tá ultrapassado no tempo, na era da tecnologia da informação mobile você vem me falar de Desktop? Se você tivesse assistido o documentário O triunfo dos Nerds por volta de 1990, deveria ter ouvido que o Larry Ellison (dono da Oracle) disse que no futuro as pessoas utilizariam utilitários de comunicação! Smartphones meu rapaz.

        E este papo de que o “mundo não cai na conversa” só mostra o tamanho do seu desespero porque Apple é Unix, Android é Unix e o Windows não é, Windows veio do pobrezinho do DOS e foi tentando se desvincular, se tornar multiusuário, ter um suporte decente a rede e enquanto isso no Linux você já tinha isso tudo porque existe uma comunidade forte colaborando e empresas grandes interessadas em investir em algo consistente com bases sólidas e hoje quem usa Unix simplesmente domina o mercado.

        Aceita meu rapaz que dói menos, você não precisa ficar com esta bandeira aí defendendo desktop quando o mundo vai para a nuvem, pelo amor de Deus, até relógio vai rodar (ou já roda) Android. E outra, não fazer sentido comparar servidores Linux com Windows? Como assim? Olha o foco do seu post “Linux são mais vulneráveis que Windows”, putz! Eu não tô acreditando até agora que é isso o que está escrito e que você (tenta) ter orgulho em defender. Você acha mesmo que um supercomputador de 1 milhão de processadores iria confiar os seus dados em um sistema operacional inseguro?

        Eu acho que você deve viver em um universo paralelo onde as pessoas confiam que podem plugar seus pendrives com segurança do Windows e quando os desplugam do pc, os arquivos não foram ocultados e transformados em atalhos ou que ninguém tenha alterado a firmware dele.
        Você vive num mundo de quem tem de instalar instalar este monte de Anti Spyware, Anti Add Ware, Anti Virus, Super Mega Cleaner para pensar (veja bem eu disse pensar) que estão seguros.
        E o pior de tudo (que provavelmente justifique o seu nível de desespero), você realmente acredita que um sistema operacional que deixa um usuário comum com poder de administrador sem utilizar senha é mais seguro que o Linux.

        • Rogério

          Com licença..

          ” porque Apple é Unix, Android é Unix e o Windows não é”

          Primeiramente vc deve separar o Unix do Linux, pq não são a mesma coisa,
          linus torvalds escreveu o Linux apartir do Minix que é um Unix-like,e o Mac OS X provém do FreeBSD, O kernel do FreeBSD é totalmente diferente do Kernel do Linux, então não concordo com essa “salada de fruta” que vc faz com Unix e Linux.

          Não faz sentido comparar SuperComputadores, vc não sabe mais o motivo de usar Unix e Linux em supercomputares não é por causa de segurança e sim escalabilidade que o mesmo oferece, O kernel do Linux é aberto para fazer modificações por isso ele é o preferido em Supercomputadores, tem outros motivos tbm mas o texto ficará imenso rs.

          Vc quer dizer que o Windows é ruim pq tem virus, Bom vamos seguir sua linha de raciocínio, a moto hornet é muito visada para roubos logo a hornet não presta, caminhonetes a diesel são visadas para roubos logo nenhum fabricante sabe fazer caminhonetes.

          O android é baseado no Linux e precisa de um anti-virus, logo o Linux junto com o Windows não presta, de acordo com seu pensamento.

          Concordo com vc, o pior erro do Windows e vir com esse administrador por padrão, mas para facilitar a vida do usuário tem muitas distros que deixa o cara usar sua conta para administrar o sistema, sem contar que o sudo deixa a sessão com poder de root ” que é perigoso tbm” sem contar que não é tão dificil “quebrar” o root, e quando isso acontece já era para o linux.

          A maior parte da insegurança do Windows se deve por usuários que clicam em qualquer coisa, não usam anti-virus(ou desatualizados, ou desativados)e navegam como administradores.Um usuário avançado de linux não tem problemas com vírus no windows.

          Para concluir eu não entendo pq vc e a grande maioria que usa linux e critica o windows fala tanto de Virus, Uma pessoa leiga não vai colocar virus no linux, até pq existem poucos.Por outro lado essa pessoa leiga mal sabe instalar uma impressora no Windows, ela vai procurar o Microsoft Office no Linux não vai achar e voltar para o Windows.

          Conclusão o problema não está no Windows, Linux, Mac OS X, e sim nas pessoas rs.

          • homemvoador

            Eu não critico o Windows pelos vírus, o Windows já é um vírus porque a maioria das apps de proteção deste sistema operecional (Add wares, spywares, intruders, trojans, vírus, etc) visam mais te monitorar e se enfiar na sua máquina com permissão full para fazer qualquer coisa que quiserem do que o próprio vírus.

            Quando você diz “Concordo com vc, o pior erro do Windows e vir com esse administrador por padrão, mas para facilitar a vida do usuário tem muitas distros que deixa o cara usar sua conta para administrar o sistema” já não dá mais para falar em segurança e nem motivos para ficar vangloriando um post como este “OS X, iOS e Linux são mais vulneráveis que o Windows”. Se você permite que um usuário qualquer sejam admin de seu SO, já deixou o seu sistema exposto e é óbvio que isso é proposital, isso aqui não é aula de informática básica e sim um post tendencioso, desesperador em busca de alguém (como você) que venha defender com unhas e dentes o indefensável.

            Vejo vários fóruns de Linux por aí, que apesar tratarem especificamente de Linux, debatem muito sobre a interoperabilidade entre Linux e Windows, escrita em sistema de arquivos, entre outros temas, mas ficar fazendo post pra dizer que Linux é mais seguro que Windows, isso não é necessário, todo mundo que trabalha com Linux sabe que o sistema operacional foi pensando para ter uma arquitetura multithread, multiusuário e pensado continuamente em melhorias do seu Kernel. Enquanto o Windows XP trabalhava com atualizações automáticas, o Linux sempre trabalhou com isso há anos e as atualizações de segurança não jogadas para os usuários por “estagiários”, assim como a Microsoft fez com o apagão do Windows 7 no ano passado deixando todo mundo sem acesso ao sistema operacional, empresas inteiras paradas por causa de uma atualização, isso sem falar em drivers bichados jogados para nós de qualquer maneira porque a Microsoft olha para os usuários como um bando de beta testers e no final das contas vem vocês postar “OS X, iOS e Linux são mais vulneráveis que o Windows”, cara, me desculpe mas isso é mundo da carochinha.

            Você não pode culpar as pessoas por não saberem usar um sistema e instalarem os vírus, intruders, malwares, addwares, trojans, backdoors, enfim, estas coisas que “gostam” de ficar no Windows. E isso também não é falha de programação, isso é proposital, mesmo porque o foco do tio Bill é fomentar indústrias, sejam elas benéficas ou não, pois criar um SO e deixar a segurança nas mãos de apps de terceiros….ai ai ai, é não perceber que o Snowden disse o que disse porque deram poder demais a um terceirizado.

          • MVP_Baboo

            homemvoador, comentários ofensivos serão apagados. Escreva com educação. Aqui não é Orkut nem Facebook.

        • MVP_Baboo

          Smartphones são utilizados principalmente para consumo de dados, e não criação (exceto para entretenimento). Tablets tentaram invadir o mercado, mas eles são apenas smartphones grandes e para torná-los úteis eles precisam de teclado (ou seja, ele tenta ser um notebook). Resultado: a moda do tablet está passando http://www.marketwatch.com/story/apple-ipad-forecast-as-weak-link-in-2015-tablet-market-2015-03-12 e até a Apple confirma isso http://exame.abril.com.br/tecnologia/noticias/vendas-do-ipad-despencam-e-a-apple-reage enquanto as vendas dos PC voltou a crescer http://www.gartner.com/newsroom/id/2793921 Até mesmo no BYOD o notebook pessoal é o mais utilizado – e não o tablet ou smartphone. Embora smartphones sejam excelentes, o desktop é insubstituível – afinal aonde você acha que os programadores digitam seus códigos para criar apps? :)

          Desespero é vir em um site de Windows defender Linux e Unix e não aceitar o fato óbvio que o mundo todo está se lixando para Linux no desktop quando até a própria comunidade SL não defende mais a conversa-fiada que “esse é o ano do Linux no desktop”. Todos querem Windows pois ele é uma SOLUÇÃO, enquanto o Linux é apenas um sistema operacional. Leia esse excelente artigo sobre os principais problemas do Linux no desktop, escrito por um especialista em Linux: http://linuxfonts.narod.ru/why.linux.is.not.ready.for.the.desktop.current.html

          Se você não aceita o relatório de vulnerabilidades, reclame com a NVD e GFI, pois nós não inventamos nada.

          Se você trabalhasse 7 dias por semana em TI fora do mundinho Linux, você teria uma visão mais abrangente e realista do que acontece no MUNDO REAL (longe da internet) e não escreveria tantas asneiras somente para proteger o seu amado Linux :)

          • homemvoador

            Cara, apagaram o meu post dizendo que eu ofendi alguém, isto é prova viva do desespero de vocês. O nome do post é

            OS X, iOS e Linux são mais vulneráveis que o Windows e você vem me falar de que o Windows vende em Desktop.

            Parei por aqui.

          • MVP_Baboo

            Homemvoador, começar uma discussão com a frase infantil ” Eu não critico o Windows pelos vírus, o Windows já é um vírus” apenas mostra que você não está aqui para discutir seriamente. Aqui não é Orkut. THE END.

  • cabalodefuego321

    Aonde ???

  • Bruno Rodrigo

    Vocês estão ganhando quanto da Microsoft??? Como faço para entrar nesse esquema?? Abr.

    • MVP_Baboo

      Se você acha que um site focado em Windows ganha $$ da Microsoft, então sites sobre Apple ganham $$ da empresa de Jobs e sites de Linux também ganham $$ da Linux Foundation, certo?

      Infelizmente não ganhamos um centavo da Microsoft por isso. Eu adoraria que ela nos pagasse para eu melhorar o site e implementar novos serviços, mas a diversão gerada nos comentários já é um ótimo pagamento :)

  • Sidney Moraes

    Até hoje, Linux nunca precisou de antivirus…

    • MVP_Baboo

      É justamente essa crença absurda que fez o kernel.org (QG do Linux) ser miseravelmente invadido em 2011 e durante 17 dias ninguém percebeu *absolutamente nada* ali! Certamente os admins dali consideravam infantilmente que “antivirus é coisa para Windows”). Isso não é exatamente um cartão de visita de quem vende segurança, certo? :)

      Obviamente os admins do kernel.org não sabem que antivirus também protegem servidores contra backdoors como o que foi instalado ali.

      http://www.eweek.com/c/a/Security/Linux-Foundation-Linuxcom-Hacked-in-Kernelcom-Breach-504793
      http://arstechnica.com/security/2013/09/who-rooted-kernel-org-servers-two-years-ago-how-did-it-happen-and-why/
      https://nakedsecurity.sophos.com/2011/09/12/linux-world-in-security-spinout/

      • Alfredo

        Duas observações.
        1) A comunidade linux sempre avisa quando tem esse tipo de problema ou mesmo vulnerabilidades encontradas no sistema, ao contrario da Microsoft (isso é inegável, pois sempre tentam encobrir a falta de competência da mesma).
        2) Linux é tao vulnerável que muitos dos servidores da Microsoft utilizam ele.
        Vocês devem prestar atenção para não dizer tolices.

        • MVP_Baboo

          Duas observações:
          1. Incompetência é um sistema operacional comprometer a segurança de milhões de pessoas em 2015 que utilizam roteadores com Linux por causa de uma falha de driver dele da década de 90: http://arstechnica.com/security/2015/05/90s-style-security-flaw-puts-millions-of-routers-at-risk/ Os resultados do artigo acima mostram que *no mundo real* (longe da opinião de meia-dúzia de usuários de Linux) o Windows é mais seguro, você aceitando isso ou não.

          2. A Microsoft tem um dos maiores laboratórios de open-source do planeta para testes de interoperabilidade, mas ela não utiliza Linux em seus servidores. Esse é um erro infantil de quem acredita nos resultados da Netcraft, que mostram o resultado do servidor de cache das páginas (da Akamai, que provê esse serviço para Microsoft, Facebook, Google, Apple…) – e não do servidor físico em si.
          Você deveria estudar mais para não escrever asneiras.

          • Rogério

            Concordo Badoo, mas me parece que pela forma que vc explicou a Microsoft não usa de forma alguma Linux, ela já fez acordo com a

            Novell e colabora muito com a comunidade opensource.
            Acho que essa briga de Linux e Windows só existem mesmo entre os Usuários.

          • MVP_Baboo

            Você tem toda razão. Desde 2008 a Microsoft tem uma sólida parceria com a Novell, em 2011 ela renovou a parceria com a SUSE (investindo US$ 100 milhões nisso http://news.microsoft.com/2011/07/25/microsoft-and-suse-renew-successful-interoperability-agreement/ ), o Microsoft Azure suporta nativamente diversas distros Linux, e em 2012 a Microsoft foi a principal contribuidora do kernel do Linux http://www.wired.com/2012/04/microsoft-and-linux/ – e mesmo assim volta e meia aparece algum internauta achando que estamos em 1999 :)

            Durante muitos anos o finado Hotmail foi um “laboratório de interoperabilidade”, e há muito tempo a Microsoft utiliza apenas Windows em todos os seus serviços – sendo que simplesmente TODOS eles estão indo aos poucos para o Azure. Poucos sabem, mas o site Microsoft.com, MSDN.com, Technet.com rodam integralmente virtualizados sob Hyper-V desde 2008 e hoje estão sob Azure…

          • Rogério

            Não posso dizer que todos os serviços da Microsoft rodam sobre Windows, já ouvi dizer que a Microsoft já usou linux em seus servidores para o skype.. não sei se é verdade.
            De qualquer forma certamente no ambiente interno da Microsoft deve ter Linux, Mac OS..talvez até FreeBSD e Solaris..não estou dizendo que a Microsoft não consegue usar somente o Windows, usamos como exemplo o skype que é disponibilizado para linux, então certamente tem uma equipe de desenvolvedores com máquinas linux.

            Isso é bom para microsoft pq na minha opinião a melhor distro linux que chega perto do Windows é o Suse Enterprise que por outro lado tem a Microsoft por trás com parceria com a Suse, e o tanto de patentes que a Microsoft detém as pessoas usando Android ou Suse estará dando dinheiro para Microsoft do mesmo jeito.

          • Alfredo

            Eu me perguntou quanto a Microsoft paga a vocês do site pra escrever esse tipo de coisa e depois a própria empresa aderiu o Linux (Chupa essa manga)…

            http://trainingtecnologia.com.br/preocupada-com-a-seguranca-microsoft-reformula-a-rede-skype-com-servidores-linux/

          • Vicente Daby

            Desculpe
            amigo, fui um usuário médio do windows, trabalho com manutenção
            em microcomputadores. Estou isento de qq crítica no que diz respeito
            por eu tratar do assunto como um usuário comum. E ter uma resposta
            pra vc em nome dos usuários iniciantes do Linux que também sou. Eu
            uso Debian no meu desktop e uso o MInt no notebook. Tive experiência
            como manutenção dos meus clientes do windows intermináveis
            problemas de virus, inclusive problemas sérios que eu mesmo tive.
            Problemas esse que eu perdi todos os dados do meu HD por causa de um
            virus usando windows 7 ultimate. E hoje eu uso linux. E proponho que
            meus clientes usem linux. Acho linux leve, rápido, estou menos
            preocupado com vírus, na verdade eu amo linux. Pretendo criar uma
            distro com o nome de minha esposa chamada Ingrid.

          • MVP_Baboo

            Se você perdeu dados do seu HD por causa de vírus, não culpe o Windows por isso pois obviamente você não aplicou as regras básicas de segurança de dados. Milhões de pessoas usam Windows no mesmo ambiente nocivo que você e elas não são infectadas.

  • Vinicius

    Ooooloko, esse debate ainda continua? kkkk!

    • MVP_Baboo

      Hahaha a diversão não acaba nunca :)

      • Vinicius

        kkkkkkkkk!

        • Recruta

          Usuários Linux não querem ver suas fantasias desmoronando…

  • marcoshadow

    Estamos evoluindo com a versão final do 15.04

    https://www.youtube.com/watch?v=dK7uEv8LTYU

  • Até parece, aqui, como o Márcio disse, Só entra noticia ruim sobre a Apple. Desde quando o sistema operacional da Apple é mais vulnerável? Piada!!!

    • MVP_Baboo

      Aqui somos focados em Windows, mas qualquer notícia que envolva ela ou Linux rendem longas (e na maioria das vezes inúteis) discussões. Apple nunca foi focada em segurança e é de se esperar que seus produtos tenham problemas de segurança – o Pwn2Own mostra isso no mundo real, longe do marketing falacioso de Cupertino ;)

      • Apple sempre atualiza seu sistema operacional, qualquer vulnerabilidade. O usuário nem percebe, tudo isso é feito quando o mesmo se conecta na internet. Legal né?

        • MVP_Baboo

          Com Windows isso é feito desde 2000 em ambientes corporativos quando o usuário se conecta na rede da empresa – e isso é somente a “ponta do iceberg”: caso o antivírus dele não esteja atualizado, pode-se colocá-lo em quarentena (ele não acessa a rede interna da empresa), liberando automaticamente o acesso à rede e internet quando o antivírus for atualizado (outro procedimento que pode ser automatizado) :)

          BTW o Windows 8.x também se atualiza quando o PC se conecta na internet:

          • Sempre usei Windows, mas cansei dos travamentos, de toda hora passar antivirus, se tomar cuidado com arquivos executáveis, e por ai vai. Não que eu fiquei desleixado, mas depois que mudei tudo para Mac, nunca mais precisei formatar o computador, por exemplo, a nao ser para fazer uma instalação limpa do SO

          • Recruta

            Travamentos? Tu usa o que? um PC da XUXA?

          • Usava uma excelente máquina, windows sempre trava, inclusive com seus próprios programas. Cansei, mudei para a apple e acabaram-se os problemas.

          • Recruta

            Mesmo assim… de três uma: ou seu Windows estava batizado, ou você usava Windows pirata ou você não sabe usar o Windows…

            Olha só: Eu uso o Windows num PC fraco que tem as seguintes especificações:

            APU: AMD C70 @ 1 GHz
            RAM: 4 GB @ 800 MHz (na prática roda a 533 MHz)
            HD: 500 GB @ 5400 RPM
            GPU: Radeon 7290M 384 MB @ 275 MHz

            e bem… o Windows roda muito bem…

            Consumindo apenas 2% de CPU com o Firefox e o IE abertos com algumas abas: http://i.imgur.com/z6NAwbU.png

            Consumo Zero com o site do G+ aberto: http://i.imgur.com/3XDo0WO.png

            Indle: http://i.imgur.com/SluDpyY.jpg

            E nem adianta reclamar “Ah, mas é Windows 7″… Windows 8.1 com 90 (isso mesmo NOVENTA) programas abertos: http://i.imgur.com/Sz04xuv.png

            E que tal 108 (Isso mesmo que você leu… CENTO E OITO!) abas no IE consumindo apenas 11% de CPU? http://i.imgur.com/H38VKRO.png

          • Recruta

            E pior: Num C70 que de acordo com o Notebook Check, a velocidade do C70 está em algum lugar entre um Atom N455 de um só núcleo de 1,6 GHz e um Atom N550 de dois núcleos, dependendo do benchmark (http://www.notebookcheck.info/AMD-C-Series-C-70-Notebook-Processor.90696.0.html)

          • Sou professor de informática e sempre usei Windows. Não estou falando de processamento, pois MAC também faz isso, estou falando de travamentos.

          • MVP_Baboo

            Mais de 90% dos travamentos são culpa de drivers. Por isso a Microsoft tem drivers certificados por ela.

          • Recruta

            Mas mesmo assim, o seu Windows estava batizado… pois o meu mesmo não trava de jeito nenhum… e olha que estou usando o Windows 8.1 :p

          • Recruta

            E ainda estou falando de um computador com essas specs incríveis:
            – Processador AMD C70 de 1 GHz
            – 4 GB de RAM (rodando a 533 MHz)
            – Placa de vídeo Radeon 7290M com 384 MB de memória (rodando a 275 MHz)
            E aposto que seu computador é bem melhor do que isso… e se você for realmente um professor de informática, deve ser de informática básica…

          • MVP_Baboo

            Nem precisa de tanto: um simples netbook com processador Atom e 1GB RAM roda Windows sem nenhum travamento..

          • Holandes Louco

            Muitos dos travamentos que eu tive no passasdo com Windows no passado eram problemas de hardware, fonte, memória, etc.
            Meu desktop fica ligado por um mês, só reinicio no windows update ou se alguma instalação de programa pede e ele foi montado em 2012!!!
            MB, memória e fonte de primeira linha, é só isso que ele tem de especial

          • No meu caso, até programas da própria microsoft trava com o Windows.

          • Holandes Louco

            Eu já vi várias vezes a página do MSN fazer o IE dar pau e windows avisar que o IE precisa ser fechado…. LOL

          • MVP_Baboo

            Isso é culpa do IE. Utilize outros navegadores :)

          • exato

          • MVP_Baboo

            Pode ser para você, mas milhões de usuários de Mac sofrem com travamentos e problemas. Exemplos na web não faltam http://venturebeat.com/2013/10/25/apples-new-os-x-mavericks-crashes-far-more-frequently-for-some-including-me/ , http://www.zdnet.com/article/when-yosemite-went-wonky-fixing-an-os-x-systems-failure/ etc etc etc

          • Mas você deve concordar que máquinas com Windows trava muito mais, afinal, é difícil fazer um sistema que controle uma máquina com componentes de diversos fabricantes.

          • MVP_Baboo

            De modo algum! Se os drivers e o hardware estiver OK, o Windows rarissimamente travará. E o gerenciamento de memória do Windows é superior ao Mac (tanto que a Apple está implantando aos poucos o que o Windows tem há anos) e um navegador jamais afeta o Windows da maneira como ele afeta o MacOS: http://www.cnet.com/news/google-yes-chrome-is-crashing-macbooks/

          • Holandes Louco

            Ele usa PC Chips….

          • Acho que é você que está em outro mundo.

          • MVP_Baboo

            Basta deixar de utilizar hardware vagabundo e Windows pirata, e os travamentos acabarão..

          • Recruta

            Ou você deve estar em outro mundo…

        • Holandes Louco

          O Ubuntu também faz isso, não?
          Acredito que outros linux também o façam

      • Acompanho o site de vocês faz tempo, desde quando usava windows, vocês chegaram a criar uma sessão sobre a Apple mas depois desistiram.

        • MVP_Baboo

          Sim, pois naquela época (2009) eu achei que seria uma boa ideia tornarmos o BABOO mais abrangente, e por isso criamos uma área para Apple e Linux. O resultado disso não foi positivo e elas foram fechadas.

          • Deveria ter continuado.

          • MVP_Baboo

            Isso seria perda de tempo e dinheiro. Há muitos outros sites na web dedicados ao Mac.

  • Márcio

    Site sobre Windows falar mau de Linux é normal, ao contrário isso também acontece portanto tá tudo certo :) porém se todos procurassem se especializar nas duas opções discutiriam melhoras e não falhas, afinal o mercado é amplo para as duas opções. (Profissionalismo)!!

    • MVP_Baboo

      Mas algumas boas discussões são geradas justamente pela diferença do ponto de vista de quem utiliza esses dois sistemas operacionais ;)

  • MarcosUser

    Vi um coments de um Moderador…. Que no Windows tem volta para tudo… Estou tendo alguns problemas, se windows tem volta pra tudo diz aee : http://forum.baboo.com.br/index.php?/topic/775790-programas-n%C3%A3o-abrem-nem-instalam/

  • Alexandre Felipe Rodrigues

    Nunca tive problemas no Windows com senhas roubadas ,cartão clonado agora tive problemas com programas maliciosos ,extensões maliciosas usei o Ubuntu e pretendo usa lo novamente pela facilidade e rapidez e principalmente pelos poucos travamentos que tive e que não existem problemas com programas que vem carregados com outro se eu fosse um cara com muito dinheiro mudaria a politica de instalação de programas no Linux desenvolveria uma própria distro mas tentaria abandonar o tal do terminal concordo com senha para instalação ou senha Root mas ter e ser obrigado a utilizar comandos no terminal isso é um pé no saco ,o mundo exige rapidez mas segurança e controle unico ponto fraco e a limitação do Linux ainda é o Terminal quem quiser utilizar teria total liberdade, agora quem não quer não precisa utilizar que é a grande maioria de usuarios , criou se tantos programas e soluções como os Drives pré carregados que o usário não precisa ficar instalando mais para o Terminal isso ainda não, dai me falam não precisa mais utilizar o terminal, EU NÃO VI ISSO ,a maioria dos tutorias que se vê na NET é através de comandos a maioria das ações comandos, resolver problemas comandos,personalizar comandos é triste um sistema tão bom que poderia evoluir preso ao passado ninguem hoje usuário final quer um terminal na sua frente com um montão de letrinhas se tirar isso o numero de usuarios cresce

    • Night Side

      O problema n é usar o terminal e sim o que saber digitar lá para ter sua funcionalidade, sendo que no Windows isso é resolvido a base de alguns cliques, por exemplo, acesso a algum driver que vc quer ativar e desativar, no Linux é possível porém vc tem que desativar isso via terminal para parar um módulo do Kernel, ai que entra o que eu disse, o que digitar lá. Ai vc fala isso pra comunidade que no Windows é mais fácil e eles respondem que vc é preguiçoso, n quero fazer um curso apenas para desativar um módulo do kernel, isso deveria ser fácil sendo que até o Windows 95 tem um gerenciador de dispositivos. O Linux tem tbm, mas só serve para informações, falta várias funções nele. Outro problema, aplicações antigas n são compatíveis com as novas, isso mata se quiser rodar um jogo antigo. O pessoal do SL reclama que queremos windowslizar o linux, que o Linux tem seu prórprio jeito de usar, porém quando vão facilitar as coisas por lá? Estamos em 2015 e tbm n temos tempo para ficar lendo documentações com o man (e olha que várias documentações estão em inglês), e muito menos ficar brincando de adivinhação sobre o que temos que digitar nesse terminal. Outro fator na lista abaixo que n é mencionado, n existe um gerenciador de downloads decente, um que se integre como o IDM ou Eagleget que tem para Windows, um que n seja necessário usar sem flashgot e para baixar tbm vídeos flv e mp4 de qualquer site, os que tem vc deve ficar copiando e colando o link neles ou então se algum tem essa função, o vídeo vem com o nome errado, ou até mesmo só se integram com o Firefox, mas n com o Google Chrome. Outro probleminha, um conversor de vídeos como o Convertxtodvd, que cria menus de maneira automática (disse automático, n manual como o Dvd Styler, que tbm tem para Windows) tem o Devede, porém este n informa quando o dvd está em sua capacidade como o Convertxtodvd faz (informar, informa, de modo errado e vc tem q adivinhar) e ele é bem mais trabalhoso acrescentar por exemplo, 30 vídeos neles, sendo que no Convertxtodvd é praticamente fácil, pq no Devede vc tem q colocar um por um e cada vídeo tem sua configuração.

      • Alexandre Felipe Rodrigues

        Tem razão por exemplo existe uma dificuldade de desinstalar programas não existe algo que preze a facilidade o Windows abocanhou a maior parte dos PCs do mundo pelo fato de oferecer facilidades e um SO que se adeque a todos tipos de usuários por exemplo existe há facilidade de resolver problemas,instalar novos programas eu acho o futuro do Linux promissor se existir inovação e principalmente que a maioria dos usuários não querem entender o sistema a fundo mas utiliza lo de uma maneira simples e rápida uso o Ubuntu graças a curiosidade e o esforço de apender e que se mostrou util ao meu uso algo não compartilhado aqui em casa afinal qualquer problema correr para Net procurar soluções as pessoas querem segurança ,rapidez e facilidade coisa que a plataforma Linux ainda não uniu ainda afinal das contas o Linux não pode ser uma Ilha isolada e inacessivel protegida por Nerds que se acham os bambam da internet mas um sistema para todos aberto e acessivel compartilho das suas idéias existem muitas falhas ainda nesse sistema principalmente a usabilidade

        • Isaias Freitas

          Eh bem isso minha visão do Linux. já usei por curiosidade pq trabalho com informática, vc ta com toda razão.

      • higor0707

        Eu admito que sofri para achar um gerenciador de downloads igual o IDM, mas acredite, tem sim e se chama Xtreme Download Manager. Funciona em qualquer navegador, tem extensão para integrar, enfim, precisa só do java para rodar ele.

        Quanto ao terminal, isso é uma particularidade do linux que, como você não esta acustumado, vai achar dificil ou trabalhoso. Mas sinceramente, tive problemas com isso apenas no começo mesmo. Depois que você aprender a usar, fica até mais facil. E acho bem mais fácil de resolver alguns problemas digitando algumas linhas no terminal e esperando ele finalizar o comando do que ficar indo em menu, clica nisso, clica naquilo, digita isso, enfim, essas coisas que se fazem no windows.

        Isso sem falar que existem muitos fóruns com pessoas dispostas a ajudar, se você precisa de alguma coisa, é quase certeza que você vai achar a resposta do seu problema.

        A unica coisa mesmo que peca no linux é a questao de quase não ter jogos disponiveis, isso não porque o linux é ruim, e sim porque os desenvolvedores não querem. A parte boa é que a steam está se esforçando bastante e já trouxe vários jogos e posso desfrutar do meu CS GO sem nenhum problema.

  • Mr. Whiskas

    Uma lista bem feita e detalhada dos maiores problemas do Linux:

    Major Linux Problems on the Desktop – 2015 edition

    http://linuxfonts.narod.ru/why.linux.is.not.ready.for.the.desktop.current.html

    • MVP_Baboo

      Yep, essa lista é excelente e evidentemente o autor conhece o assunto a fundo! Obrigado pelo link.

      Um linuxer postou ali “Congratulations for one of the most realistic analysis about Linux I’ve ever seen” e outro escreveu “Huh, must agree with every single point listed on issues long version”. Muitos comentários detalhados ali são bastante valiosos também…

      • Mr. Whiskas

        Sim, o autor disseca o Linux, fala dos problemas sérios do kernel e cita até o Linus Torvalds e outros desenvolvedores do sistema por esses não acharem “importante” relatar as falhas graves de segurança.

        • Night Side

          Ele n relata falhas graves para que o Linux continue com a fama de sistema estável e seguro, por isso. Exemplo disso é o Debian, que diz ser uma distribuição estável, que somente seus repositórios tem os pacotes estáveis, e o resto é instável, essa distribuição dita as regras para vc se vc usar o sistema deles (tá bem, eles n pregam isso, mas basta olhar os comentários de quase todos os usuários Linux referente a Debian e Ubuntu). São tão unidos que eles estão fazendo o Devuan, pq alguns chorões n querem se adaptar a tecnologias novas kkkkkkk

          • Mr. Whiskas

            Verdade. rsrs Tinha lido sobre esse fork do Debian.

            Essa desunião deles e as centenas de distribuições são algumas das principais causas do insucesso do Linux no desktop.

  • Guto Kowalski

    A “união” da “comunidade” Linux é tão grande que o FLISOL proibiu a instalação do Ubuntu na próxima edição do evento…
    http://br-linux.org/2015/01/coordenador-geral-do-flisol-brasil-recomenda-nao-instalar-ubuntu-no-evento.html#comment-1929203942

    • MVP_Baboo

      Hahaha obrigado pelo seu comentário. Eu gostei particularmente dessa parte: “(…) Sua
      situação se agrava quando em 2012 foi identificado que, sem um prévio
      aviso adequado e autorização do usuário, o Ubuntu coletava e vendia
      dados de seus usuários para empresas como a Amazon, tornando-se a
      primeira distro a adotar tais praticas invasivas (…)”… só rindo mesmo..

      • Guto Kowalski

        Por nada! rsrsrs Agora é que o Linux não vai chegar a 2% mesmo. rs

        Até o criador do Sabayon ameaça abandonar a distro, segundo ele, por falta de participação e reconhecimento do trabalho dele nas horas livres e sem retorno financeiro algum:
        https://forum.sabayon.org/viewtopic.php?f=57&t=32231

        • MVP_Baboo

          Maluco é pouco: O Stallman come remela do pé!!
          https://www.youtube.com/watch?v=I25UeVXrEHQ

          • Guto Kowalski

            Hahaha! Muito bom! Acho que pulou o muro do hospício, trocou de identidade e continua fugitivo até hoje… LOL xD

    • Marcos

      Infelizmente, a picuinhas em todos os lugares, e não foi dado uma motivo plausivo para que o ubuntu não entrasse… Mas que se dane.

  • Alexandre Gonçalves

    Mais MIMIMI de S.O quando essa guerrinha besta vai acabar?

    • MVP_Baboo

      Pelo visto nunca. Ao menos eu me divirto bastante com esse tipo de discussão ;)

  • Nop

    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk… isso foi o acúmulo da calunia kkkkkk… “Quem utiliza antivírus e antimalware no Windows está 99,99% protegido” kkkkkkkkk… não tem como parar de rir. Tirou essa porcentagem de onde? huehuehuehuehue

  • Recruta

    Essa vai para todos os que estão dizendo por aí que o Windows é inseguro, imã de vírus e etc, etc…

    http://i.imgur.com/kNb5Tcs.png

    nada foi detectado ^^ e olha que estou sem nada para proteger o meu PC

    http://i.imgur.com/qsE8AiT.png

  • tcfialho

    Baboo e o que dizer da performance? Veja o STEAMOS e outros linux, TODOS com performance inferior! A desculpa padrão é que a culpa é dos drivers… FHC device drivers…

    • Recruta

      E qual a solução da comunidade? Simples! Crie outra Distro!

  • tcfialho

    #EuJaSabia

  • MVP_Baboo

    Para aqueles que defendem a “rapidez na correção de bugs” do Linux: a Microsoft lançou hoje (10/Mar) a correção para a vulneabilidade Schannel (FREAK) http://www.baboo.com.br/seguranca/microsoft-alerta-para-vulnerabilidade-no-secure-channel/ para *todas as versões do Windows* apenas *4 dias* após a divulgação da falha, enquanto o Google ainda não lançou nenhuma correção para essa falha no Android (Linux)! OUCH :)

  • Martines

    http://www.tecmundo.com.br/seguranca-de-dados/76072-falha-seguranca-freak-afeta-sistema-windows.htm

    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

  • José Bernardes

    Engraçado…. nem é primeiro de abril ainda… heheheheheheh

    • MVP_Baboo

      Às vezes a realidade é mais incrivel do que a ficcão ;)

  • ImBuggy

    Houve uma falha no banco de dados da NVD (a própria wikipedia disse isto).

    Agora minha opnião geral não-baseada na tabela, quando se analisa uma falha se deve analisar pelo sistema em SI, a NVD analisa pelos NAVEGADORES, e essas falhas analisadas a partir deles não são do kernel linux em si, como a tabela expõe, são dos navegadores, faça um teste, crie um navegador aonde tal codigo javascript faça algo no sistema, crie uma pagina com esse script, e ai me diga, a falha ta aonde? no navegador que faz uma coisa indevida ou no sistema que reage conforme os comandos do navegador? O sistema não tem nada haver com navegador em si.

    Entrando na análise geral de segurança, eu não costume dizer que windows é ruim diretamente, eu costumo argumentar. Então vamos fazer isto, o Windows em geral é milhões de vezes menos seguro que Linux, uma vez que, a quantidade de vírus é maior, o sistema não é código livre, dificultando assim que desenvolvedores ajudem a microsoft detectar o local dessas falhas (ou você acha que o grupo de desenvolvimento do windows vale mais que bilhões de desenvolvedores?), a microsoft esconde os erros do windows, quantas vezes o windows te mostra uma informação detalhada do erro? ele mostra aquele reporte de falha que nem o Bill Gates consegue detectar o erro real. Além disto, não mostra qual livrarias estão relacionadas ao erro, assim dificultando a solução do mesmo, ou você tem uma linha de comando que mostra erro por erro? Haha. Você pode ver, através do windows, o que uma aplicação está fazendo em seu computador?

    Mais quem é você pra falar disto? Eu ja mechi com vírus, usei a linguagem C# e C++, e ja vi várias falhas. Como o vírus consegue modificar o sistema sem privilégios administradores e um programa comum não? É, não vamos entrar nisto, mais pense comigo, quantos programas as pessoas baixam na internet de forma desinformada? Principalmente no Windows onde existe um binário que roda em QUASE todas as versões dele? A pessoa baixa achando que é o programinha que precisa, quando na verdade tem uma surpresa extraordinária, o programinha vem com um vírus junto (eeee).

    Eu ouço muitas pessoas dizendo: Meu computador pegou vírus. E eu perguntou: “Qual sistema operacional?” E ela responde: “Quê?”. A partir dai já sei que é windows, as pessoas são desinformadas, isto que gera a grande quantidade de pessoas que tem vírus no windows, poucas vezes vemos pessoas que usam linux saindo instalando de tudo, isto porque não é tão simples, e o sistema de ROOT é bem melhor doq o sistema de privilégios administrativos do Windows (tanto que você não precisa de privilégios administrativos para usar programas do Windows, like Painel de controle, pegou um vírus em qualquer um deses programas já era, e olha que é possivel injetar uma DLL sem privilégios administrativos).

    Agora falando de Linux, Linux e Unix são diferentes, muito, pois o Linux é INSPIRADO no Unix, e não baseado, o próprio Linus ja disse que não tem nenhum código Unix no Linux, o Linux tem uma comunidade imensa, que sempre está ajudando no “relato de falhas”, isto faz com que ele fique mais seguro a cada dia, enquanto a comunidade do Windows está sempre ajudando em “espalhar as falhas para todos”, e a microsoft não tem aquela interação com a comunidade igual o Linux, assim o Windows fica com mais falhas e a correção delas é mais demorada e é corrigida menas falhas. Eu tenho muito o que dizer sobre o assunto, mais se continuar escrevo uma bíblia aqui.

    • MVP_Baboo

      Muito do que você alega não faz sentido algum – incluindo “falha no banco de dados”, “wikipedia dizendo” e “vulnerabilidades baseadas em navegadores”. A metodologia o NVC está claramente descrita em https://nvd.nist.gov/faq e não há NENHUMA menção a navegador.

      Alegar indiscriminadamente que “Windows em geral é milhões de vezes menos seguro que Linux” enquanto um estudo mais técnico mostra o contrário apenas denota a sua crença cega no Linux e SL. Quem utiliza antivirus e antimalware no Windows está 99,99% protegido.

      Se o Linux fosse tão maravilhosamente seguro como você defende, o quartel-general dele não teria sido miseravelmente hackeado em 2011 aonde instalaram um backdoor no kernel.org e durante *12 DIAS ninguém dali percebeu absolutamente nada* (pois eles certamente consideravam infantilmente que “antivirus é coisa para Windows”). Isso não é exatamente um cartão de visita de quem vende segurança, certo? ;)

      http://www.eweek.com/c/a/Security/Linux-Foundation-Linuxcom-Hacked-in-Kernelcom-Breach-504793
      https://nakedsecurity.sophos.com/2011/09/12/linux-world-in-security-spinout/
      http://arstechnica.com/security/2013/09/who-rooted-kernel-org-servers-two-years-ago-how-did-it-happen-and-why/

      • Mike

        Piada do dia “. Quem utiliza antivirus e antimalware no Windows está 99,99% protegido.” vc esta completamente cegado pela Microsoft, lembrese-se que antes de comecar a Microsoft(bill Gates) roubou a ideia da Apple(Steve Jobs). http://tecnologia.hsw.uol.com.br/5-mitos-sobre-bill-gates4.htm

        • MVP_Baboo

          Antivirus e Antimalware são fundamentais para segurança no Windows e suficientes para proteger o internauta no dia-a-dia.

          A Apple perdeu o processo nos tribunais pois esqueceu um “pequeno” detalhe: tanto ela quanto a Microsoft compraram os direitos de uso do GUI da Xerox (que foi quem realmente criou a interface e ícones). A Apple utilizou ele no MacOS e a Microsoft utilizou no Windows, e ela achou que a Microsoft havia copiado. Estude mais.

          • Mike

            Se vc diz isso, certamente algum notobook ou PC seu deve conter algum virus oculto, para vc afirmar que 99,99% dos antivirus protege com essa Eficiência, mi limito a discutir com uma pessoa que se basea em fontes patrocinada pela Microsft, com essa afirmação , nao tenho mais duvida que vc é uma pessoa limitada somente ao circulo MS, procure saber a verdadeira historia da empresa que vc tanto defende.

          • MVP_Baboo

            Hahaha só rindo mesmo.. eu sou realista e sei que nenhum sistema operacional é 100% seguro. Eu convivo e acompanho pessoalmente a história da Microsoft desde 1987, quando eu já usava Windows e certamente você nem tinha nascido.

            Não dá para comparar com a *geração Wikipédia” que acha que entende algo e que depende de informações concretas de pessoas que vivenciaram o assunto como eu :)

          • Rodrigo Lage

            O maior erro dos usuários do Linux é que eles normalmente são formados ou procuram saber sobre tecnologia mais que um usuário comum. O erro da comunidade Linux é que eles são todos Nerd, entendem demais de tecnologia e eles mesmo não entendem do usuário final. Foi como eu disse em um post, a comunidade Linux é cega, ela não consegue enxergar o usuário final e entender o que o usuário quer. Usuário hoje em dia tem tempo corrido, é faculdade, escola, filhos, trabalho e problemas surgindo o tempo todo, e isso força eles procurarem coisas que facilitem a vida deles e não compliquem a vida deles. E Linux é um sistema que não facilita nada, pelo contrário, complica, pode até ser seguro, mas o povo quer mais, eles querem é praticidade, para ajudar eles no pouco tempo livre que possuem, por isso o Linux esta ai, estacionado cheio de defensores se achando os mais espertos, os mais inteligentes, e a inteligência deles não percebem o óbvio que fez do Windows o mais usado, do MAC OSX o segundo mais usado, entender a cabeça do usuário, pois eles acham que todo usuário é amante de tecnologia, eles tem que aprender que o usuário usa tecnologia para facilitar a vida deles, mas não estão preocupado em entender como funciona, por isso esta coisa de ter que digitar linha códigos para ter acesso à certas funções é arcaica demais.

          • Alexandre Felipe Rodrigues

            Concordo usei o Ubuntu gostei é rapido não dá tantos problemas mas pelo amor de Deus exija apenas a senha ou de users ou Root para instalar um programa agora ficar digitando no terminal tem que ter tempo exigir senha é o maximo que um usuario comum aceita você digita um monte ou fica fuçando na net buscando por comando e no final da erro e ai fico pê da vida

          • Recruta

            Eu mesmo não me baseio em fontes da MS… apenas com o uso do SO… engraçado que estou com o meu PC inteiramente escancarado

            http://i.imgur.com/qsE8AiT.png

            e mesmo assim, o Malware Bytes detectou NADA

            http://i.imgur.com/kNb5Tcs.png

          • MVP_Baboo

            Isso não é recomendável, além do Malwarebytes não ser um antivírus (ele é antimalware)..

          • Recruta

            Mas de qualquer forma, só instalei o Windows 7 para testar como uma ISO personalizada com o RT Seven Lite iria se comportar no meu computador… ou seja, de qualquer forma não iria durar muito tempo aqui

      • nop

        kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk… isso foi o acúmulo da calunia kkkkkk… “Quem utiliza antivírus e antimalware no Windows está 99,99% protegido” kkkkkkkkk… não tem como parar de rir. Tirou essa porcentagem de onde? huehuehuehue

    • Rogério

      Melhor vc parar, vai escrever uma Bíblia mesmo, “grande” e cheia de fantasias, enfim não sei como vc conseguiu escrever tantas inverdades rs.

      • MVP_Baboo

        Será mais um entretenimento que muitos levam à sério ;)

      • tcfialho

        Ai meu textão!

    • Primordial

      Eu ia responder esse comentário, mas depois do “menas” deixa pra lá.

    • Primordial

      E tem também o “mechi”.

    • Primordial

      Ao invés de desenvolver (como você disse que faz/fazia) você deveria investir em aulas de gramática.

  • Jonas

    Na moral? Segurança trata-se de comportamento. Não adianta dizerem que sistema A ou B é mais seguro, sendo que quem define isso é o usuário do tal sistema. Conheço muita gente que mal sabe operar o Ruindows e vive cheio de vírus e malwares, porque não fazem ideia de como arquivos ou o próprio comportamento influencia na segurança de sua máquina. Do mesmo modo, conheço gente que mal sabe operar um sistema GNU/Linux, que não sabe quais daemons rodam no sistema e os riscos que elas podem proporcionar, caso não sejam configuradas corretamente ou desabilitadas. Enfim, há 20 anos que opero pc’s e só fui invadido quando, sem querer e saber, executei o server de um backdoor, na época, num Ruindows 98. Desde então, com muita paciência e perseverança, fui atrás de conhecimento e nunca mais tive dor de cabeça com porcarias online. A segurança está em VOCÊ!

  • Felipe Palomo

    Proporcionalmente o Windows é o mais inseguro, e o iOS e OS X menos inseguros.

    1 – “O Linux ficou em terceiro com 119 vulnerabilidades (24 de alto risco).”

    2 – “Em 2014, o OS X teve 147 vulnerabilidades reportadas. Deste total, 64
    são de alto risco e 67 são de médio risco. O iOS ficou em segundo lugar
    com 127 vulnerabilidades, sendo 32 delas de alto risco.”

    3 – “A versão mais recente do Windows, a 8.1, teve 32 vulnerabilidades reportadas. Deste total, 24 são de alto risco.”

    De 32, 24 são de alto risco…

    Isso quer dizer que todo bug é crítico já de cara!

    A chamada da matéria é um ‘non sequitur’ dantesco…

    • MVP_Baboo

      A chamada do artigo está correta. A sua matemática nem tanto: são 119 vulnerabilidades totais no Linux contra 72 do Windows 8.1. Ambos tiveram 24 vulnerabilidades altas, e o Linux teve 74 vulnerabilidades médias enquanto o Windows 8.1 teve apenas 12. O Linux teve 21 vulnerabilidades baixas e o Windows teve ZERO.

      Matemática mais simples do que isso, impossível! E ´non sequitur’ dantesco é somar apenas o que te convém para resultar em algo que só é válido na matemática linuxista ;)

  • Jean K.

    Sinceramente, acredito que o tipo de discussão de qual SO é mais seguro ficou na década passada. O Windows melhorou muito em segurança após o Win Vista, então não faz mais sentido a afirmação que o Windows é inseguro.
    Vejo sempre nesse tipo de discussão o uso do argumento de que a plataforma X tem mais badwares, sendo que já está provado que qualquer plataforma que for muito utilizada sempre terá mais badwares.
    Sobre as falhas, é óbvio que é muito mais fácil encontrar falhas em sistemas de código aberto, tanto por cracker quanto por pessoas do bem, até porque empresas que utilizam essas plataformas ( não confundir com usuário comum, pois este muitas vezes nem sabe por onde começa o source… ) pagam pessoas para olharem e melhorarem o código, eventualmente encontrando falhas e corrigindo. Isso também é fato, e uma vantagem para o SL.
    É óbvio também que código fechado é mais difícil encontrar falhas, já que poucos tem acesso ao código ( geralmente, é algo descoberto na tentativa e erro ou o sujeito esbarra na falha ), isto é uma vantagem do software fechado.
    Por muitos anos eu usei Linux ( debian ) como único SO, pois acho o Win XP e Windows Vista ruins. Minha opinião mudou quando comecei a usar o Windows 7, bonito e robusto. Hoje Linux é só em servidores que eu configuro. Aliás, tenho alguns servers rodando Opensuse a muito tempo, e o único trabalho é atualizar, ou fazer uma modificação ou outra que o cliente pede. Não tenho experiência com o Windows em servidores web, mas acredito que devem ser muito bons também. Outra coisa, AD e Share point são imbatíveis em ambiente comporativo.
    Enfim, tudo isso eu quis dizer que para cada plataforma se encaixa em uma aplicação. Em ambiente corporativo Microsoft é imbatível. É possível fazer algo com Linux? Com certeza, mas não terá o mesmo resultado. Agora pra mim servidores de BD ( Oracle e Postgres ), LVS, WEB, linux é o melhor, ao passo que Windows poderia fazer também, mas acredito que não tão bem ( e com o baixo custo ) que o Linux.
    Não menciono aqui também o custo de implementação ou mudança de plataforma…enfim, “fanboysismo” é coisa de nerd ficar discutindo na net

    • Rogério

      Jean, discordo, ” então não faz mais sentido a afirmação que o Windows é inseguro.” – se vc diz que o Windows não é inseguro então ele é seguro. o que sabemos que não é verdade não existe S.O seguro, mesmo vc não encontrando uma falha em um S.O hj (difícil de acontecer) afirmar que ele é seguro não soa muito bem, pq não sabemos o dia de amanhã, exemplo de uma rede wireless que vc monta ela hj, e a rede está funcionando perfeito com sinal forte em todos os clientes, e isso não quer dizer que vc não precisa de fazer nda, pq durante uns 3 anos ou mais vai aparecer problemas de outras redes próximas e varias outras fontes de interferência, fazendo vc estar sempre verificando a qualidade da rede, mesma coisa acontece com S.O, vc sempre vai estar “lutando” contra hacker, crackers e afins.

      O maior problema dos números de desktop Windows infectados a culpa é do usuário, pq a grande maioria não se interessa em ler antes de clicar nas coisas, muitos não verificam o antivírus se está atualizado, e por padrão o Windows vem com uma conta de administrador habilitada, a grande maioria dos usuário leigos navegam na internet com uma conta de administrador facilitando e muito para as pragas da internet.

      O Linux vem cometendo esse erro, colocando algumas distros para serem fáceis de utilizar possibilitando a criação de uma conta com privilégios de Administrador.

      Vc dizer que o Windows 7 é melhor que o Debian é uma opinião pessoal, agora o Windows Vista a própria Microsoft admite o fracasso. enquanto o Active Directory concordo com vc, existem ferramentas similares para Linux mas não chega nem perto do AD da Microsoft, banco de dados depende do propósito, aplicações em java Linux tem uma larga vantagem.

      Eu não vejo tanta vantagens para grandes Empresas em se ter um kernel modificável, e tbm não acredito que códigos fechados sejam tão difíceis de encontrar falhas.

  • Anderson

    Eu só acho que cada Sistema Operacional tem seus bugs e são vulneráveis o tempo todo não tem um sistema totalmente seguro o que mais interessante que cada erro ou Bug seja corrigido de forma correta e o mais rápido possível sejá a nivel leve ou importante.

  • Montanha

    RÁ ! Pegadinha do Malando…

  • Fredi Malaquias

    Ainda bem que uso Windows Vista no desktop da minha casa, é original, faz mais de 6 anos que não formato. ;)

    • MVP_Baboo

      MUITOS computadores continuam rodando Windows XP há mais de 10 anos…

      • cadu

        E verdade, tenho um PC com Windows XP original rodando desde 2004 e nunca foi formatado.

    • Fredi Malaquias

      E na pesquisa fala que Windows Vista tem menos vulnerabilidades. :)

      • Fredi Malaquias

        vulnerabilidades: Win7(36) Win8(36) WinVista(34)
        vulnerabilidades altas: Win7(25) Win8(24) WinVista(23)
        vulnerabilidades médias: Win7(11) Win8(12) WinVista(11)
        {Ainda bem que estou usando em casa o sistema mais seguro do mundo para desktop} Windows Vista rulez!

  • Vinicius

    Eita que essa discussão vai longe, kkkk!

    Imagine se todos nós estivéssemos debatendo sobre esse assunto físicamente como seria, rsrs

    • MVP_Baboo

      Essa discussão seria muito mais interessante em um ambiente ao vivo ;)

      Há alguns anos eu tive uma reunião com os organizadores da Campus Party e sugeri uma mesa-redonda Windows x Linux x Mac durante o evento com um especialista de cada sistema operacional, aonde debateríamos dúvidas e criticas dos participantes, e depois um debate entre nós. Seria algo sensacional, mas infelizmente eles não gostaram da idéia.

      Eu jamais fui nesse evento pois há muitos motivos para não ir e nenhum para ir, mas dessa vez eu iria somente para representar o Windows (de maneira totalmente independente da Microsoft)..

    • Lawtonnt

      Seria legal ao vivo e numa mesa de bar bebendo umas geladas….. :)

      • Fredi Malaquias

        Iria rolar altos xingamentos…

  • Rogério

    Eu não disse que o Linux é ruim e que o Windows é bom, digo apenas que todos os sistemas operacionais possuem brechas, e não existe S.O seguro como a filosofia de usuários Linux cria achando que Linux é “o melhor do mundo”.

    Cada sistema tem o seu propósito e achar que uma grande corporação igual a Nasa é decisiva para dizer que um S.O é o mais seguro ou não, mostra que vc tem um pensamento genérico.Com o tanto de profissionais de T.I espalhados pelo GLOBO será que só a Nasa percebeu que o Linux é o melhor? como o MVP_Baboo disse ” existem multinacionais com mais de *meio milhão* de computadores e notebooks rodando Windows”

  • MVP_Baboo

    A NASA utiliza muitos sistemas operacionais e a decisão teve um peso ideológico na decisão: https://www.linux.com/learn/tutorials/535755-organizing-open-source-efforts-at-nasa

    “Eshagh says that the idea behind the NASA code site
    is to highlight the Linux and open source projects at NASA. “We believe
    that the future is open,” he says. Although NASA uses a broad array of
    technology, Linux is the default system and has found its way into both
    space and operational systems.”

    O caso da NASA é um bom marketing para o Linux, mas existem multinacionais com mais de *meio milhão* de computadores e notebooks rodando Windows diariamente e ninguém fala delas ;)

  • Rogério

    A maior parte dos usuários de Linux ou Mac ficam preocupados com o número de vulnerabilidades do Windows, deviam ficar com o número do sistema em que vcs usam, se usam os 3 eu vejo fanatismo por parte de Linux ou Mac OSX.
    Isso me parece o que a Google faz, critica os problemas encontrados no Windows e o que ela está fazendo para o Android?rs
    E para concluir vamos esquecer que existe ou que um dia vai existir um Sistema Operacional Seguro.

    • Fredi Malaquias

      Testaram Windows RT e iOS, mas esqueceram de testar o Android.

  • Samir Mamude

    Esse blog chapa branca poderia citar as tais 147 vulnerabilidades do OSX por favor? Vamos comparar então a quantidade de pirataria que circula no Windows e no Mac, esse post é pura desinformação.

    • Rogério

      O que tem haver a pirataria do Windows com as vulnerabiladade do Mac Os X?
      O Mac OS X só é pouco pirateado pq ele não roda bem em um dispositivo que não seja MAC, e pq a maior parte dos usuário já se acostumaram com o Windows.
      Agora eu não entendo pq alguém acha que OSX é mais seguro que Windows, diante de tantas “pragas” existentes na Internet para Windows esse mesmo evoluiu muito, coisa que não aconteceu com OSX.

      • MVP_Baboo

        Falou tudo. E quem sabe o Samir também queira comparar se os usuários de Windows são mais destros do que os de Mac para adicionar mais uma comparação sem nenhum sentido ;)

        • Samir Mamude

          Pra te deixar feliz, aqui eu utilizo diariamente os 3 sistema operacionais.

          • MVP_Baboo

            OK mas não faz sentido algum relacionar pirataria com a segurança do produto. Se isso fosse remotamente válido, não haveriam versões piratas de antivirus nem de produtos de segurança, certo? Pirataria não tem a ver com segurança do produto, mas sim com o sistema de ativação dele.

      • Samir Mamude

        Se o windows fosse tão seguro como é afirmado, não teria a quantidade gigantesca de software pirata.

        • MVP_Baboo

          Pirataria não tem a ver com segurança do produto, mas sim com o sistema de ativação dele. Obviamente a quantidade de software pirata no Windows é maior pois ele tem muito mais aplicações do que Mac e Linux somados.

          Ninguém perde muito tempo pirateando aplicações para Mac pois a quantidade de usuários é baixa e o perfil do pirateiro não inclui gastar $$$$ em um computador/notebook Apple.

  • Murilon

    Há uma grande tendência que os fabricantes como a Microsoft, de não divugar os próprios furos, pois estes chamam atenção para vulnerabilidades associadas… Diferente de ambientes Linux, pois o acesso à informação é mais disseminada.

  • Rod

    O MVO_Baboo disse: “Windows é muito seguro e confiável e 99,99% dos problemas dos usuários são de drivers e hardware”.
    Mas tem algo que não consigo entender…. se o Windows é mais seguro, porque será porque toda a internet roda em cima de linux, ou melhor, sistemas de segurança rodam em cima de linux, ou mais, grandes bancos rodam em cima de linux ?
    Windows é o mais atacado porque é o mais inseguro e ponto final. Se linux fosse tão inseguro quanto windows nós iríamos no banco levando caderneta e iriam consultar fichários!

    • Rogério

      “Windows é o mais atacado porque é o mais inseguro e ponto final” discordo, O windows é mais atacado pq tem mais usuários.

      “Se linux fosse tão inseguro quanto windows…” o android usa o kernel do linux modificado e tem mais virus para android que qualquer outro sistema movel.

      Agora eu te pergunto Rod, vc diz que Linux é seguro que a Internet roda em cima dele, quer dizer então que nunca houve um ataque no Linux com sucesso? rs

    • MVP_Baboo

      A internet roda principalmente sob UNIX (e não Linux) há décadas. Idem para bancos, super-computadores & afins, cujo uso é basicamente cálculo matemático e tarefas repetitivas, e simplesmente não há motivo para mudar isso.

      Windows é mais atacado pois tem mais usuários – e isso é o que interessa aos criminosos. O mesmo acontece com o Android.

      • Rod

        ” Idem para bancos, super-computadores & afins, que utilizam sistemas em Unix e Linux (muitos deles com mais de 30 anos!) e simplesmente não há motivo para mudar isso.” Ainda não entendi…. se o windows é menos vulnerável e o linux é mais vulnerável, porque eles continuam usando o windows ?? Preferem correr o risco de serem invadidos e perderem bilhões do que trocar o SO dos servidores ?

        “Windows é mais atacado pois tem mais usuários – e isso é o que interessa aos criminosos”. Vale muito mais a pena atacar um linux (que afirmam ser muito vulnerável) que esteja rodando em um banco e desviar milhões (ou bilhões) de dólares ou atacar um windows que é menos vulnerável e desviar alguns milhares de dólares ?

        • MVP_Baboo

          Como eu escrevi acima, a migração para outro SO não é algo simples e nem sempre compensa. No caso dos sistemas rodando Linux e UNIX, se eles estão funcionando OK ali não há motivo para mudar. Os administradores de redes dali cuidam da segurança da mesma maneira que admins de Windows.

          Se você conhecesse mais a fundo o funcionamento do sistema bancário, você não teria escrito isso. Roubo de dinheiro de bancos é feito muito mais por funcionários mal-intencionados do que por hackers ;)

          Além disso hackers ganham muito mais dinheiro colocando trojans em sistemas de pagamento de grandes lojas (Home Depot, Target…) e recolhendo informações de milhões de cartões de crédito, usando eles ou vendendo seus dados..

  • Leonardo Marques

    A notícia que deu origem a esses comentários não me preocupa tanto, desde que o falha seja corrigida o mais rapidamente possível.
    E fico feliz por existir a diversidade, no final todos ganham. Monopólios sobem o preço e não melhoram o produto.
    Um exemplo é o Internet Explorer 6, um navegador horroroso e com muitas falhas !!! Com a entrada do Firefox as coisas começaram a mudar e mudaram de vez com o Chrome. Hoje graças a concorrência, a Microsoft mudou de mentalidade a vai lançar outro navegador. No final os usuários são os beneficiados.
    No mercado mobile ocorre o mesmo, quem usa Microsoft/Nokia diz que são bons aparelhos. A diferença é que nesse mercado a Microsoft tem muito o que fazer, pois mesmo que tenha bons produtos, os concorrentes não são uma Netscape que ela pode quebrar…. eles são iguais ou maiores que ela.

    • MVP_Baboo

      Sim, eu concordo com você. Infelizmente a Microsoft demorou muito para entrar no mercado mobile, e isso tornou-se uma barreira adicional para o seu crescimento. Ao menos a aposta no Windows 10 unificado é uma excelente estratégia a longo prazo..

      • Leonardo Marques

        Se a Microsoft seguir a tradição, o Windows 10 será um ótimo produto. Mas uma vez o consumidor vai ganhar.

  • Fabrício Sasaki

    Vamos falar do Project Zero: É um projeto da Google em descobrir falhas no Windows e publicá-las, deixando a Microsoft desconfortável, que até fez um carta de repúdio a Google contra essa política.

    Agora vamos aos fatos: Não é exatamente o que acontece quando alguém descobre uma falha no Linux? A primeira coisa que todo mundo faz é postar a brecha publicamente, para mais tarde ser corrigida.

    Agora se a Microsoft proíbe a Google de divulgar falhas no Windows, é para manipular exatamente esse tipo de estatística mostrada nessa reportagem.

    Agora a Google dá 90 dias pra Microsoft corrigir as falhas antes de tornarem públicas. Ou seja, se a Microsoft conseguir antes do prazo, essa falha nunca irá para nenhuma estatística.

    OBS: Uso Windows, não gosto de Linux, mas não sou cego nem xiita.

    Mais informações na Bloomberg: http://www.bloomberg.com/news/articles/2015-02-11/google-riles-silicon-valley-by-exposing-others-security-flaws

    • Fernando

      Project Zero é um projeto para verificar falhas de segurança de várias empresas, não somente da Microsoft. Ele apresenta a falha para as empresas e elas tem um tempo pra gerar uma correção, que se não forem feitas, são tornadas públicas.

    • MVP_Baboo

      A Microsoft não proíbe nada. Depois que a falha foi encontrada, ela solicita que ela não seja divulgada justamente para dar tempo para ela analisar, criar e testar um patch que funcione em todas as dezenas de versões do Windows. Ao invés de fazer isso, o Google estabeleceu um prazo(!) ele mesmo.

      Eu compreendo que o Google depende da Microsoft para sobreviver (pois 90% do seu faturamento vem do AdSense rodando sob Windows), mas isso não foi correto.

      Os engenheiros do Google preferem procurar falhas no Windows ao invés de corrigir as falhas do Android: http://arstechnica.com/security/2015/01/google-wont-fix-bug-hitting-60-percent-of-android-phones/

  • Rodrigo Rodrigues Dias

    Vale lembrar que sistemas abertos tendem a ter mais vulnerabilidades conhecidas, uma vez que seu código está disponível a todos, o que não significa que sejam menos segur
    os. A história mostra justamente o contrário.

  • Dudu

    Tenho uma dúvida será que essa discussão termina antes de
    2034?
    KKKKKK

  • claudio ferreira

    Lamentável saber de algo assim, a três anos utilizo o linux (kubuntu/ubuntu/elementay/debian) e nunca utilizei antivirus, e nem por isso tive problemas….

    Dizer que um sistema é melhor do que o outro é a mesma coisa de discutir religião e política, mas dizer que o linux (puro, pois ai não se separa as distribuições e nem o android) é menos seguro ai é muita bobabem..

    • Rogério

      Claudio vc não usa antivirus no linux, mas existem antivirus para ele, a questão é: dificilmente vc vai ter problemas navegando na web com linux pq a maior parte dos virus são feitos para windows, justamente pq a maioria no Planeta usa Windows.

      E é justamente por isso que tem mais virus para Android, pq ele é o S.O para smarthphone mais ultilizado do Globo. Será que só eu que vejo desta forma?

      • Fernando

        Sem contar que SO Android usa Kernel Linux.

  • Night Side

    Baboo a culpa é sua, já diz o ditado, não alimente os trolls ^^ Agora sobre o Linux ter o código fonte aberto, o que adianta, será que todos os que usam distribuições Linux sabem mexer nessa coisa e corrigir as falhas de segurança?

    • MVP_Baboo

      Às vezes há boas discussões, mas infelizmente estão rareando…

      • Night Side

        Então, como disseram uns comentários, no sistema de código aberto é mais rápido descobrir as falhas de segurança e corrigí-las, será que todo mundo que usa Linux descobre assim sem mais nem menos? Será que todos q usam Linux são experts?

  • Josenilson Da Costa Santos

    Vou voltar a usar o WIndows por causa disso. kkkk. Fala sério. Quem acredita nisso? Será que alguém acreditou nisso ai? Só pode ser uma piada kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk. Morriiiiiiiiii rsrsrsrsrs

  • Leonardo Marques

    Satya Nadella disse que ama o Linux (por motivos financeiros óbvio). Além de ser suportado como cliente, ele teria dito que 20% da Azure roda sobre Linux.
    http://ostatic.com/blog/microsoft-satya-nadella-sing-the-praises-of-open-source-and-linux#buzz

    • MVP_Baboo

      Yep, há anos a Microsoft investe em interoperabilidade com Linux, e hoje ela lucra $$$ com isso :)

  • O Linux é tão vulnerável que a própria Microsoft usa ele ao invés de usar Windows em seus servidores e ao contrário do Windows não precisa de antivírus. E o OS X é tão vulnerável que o próprio Bill Gates o usou para modelar sua casa :v

    • MVP_Baboo

      A Microsoft não utiliza Linux em seus servidores, mas tem um dos maiores laboratórios de interoperabilidade (há anos ela investe nisso) e suporta nativamente várias distros Linux no Azure.

      E ali ocorre o inverso: todas as distros Linux do Azure estão rodando em VM Hyper-V e Windows. Os tempos mudaram ;)

  • renato
    • MVP_Baboo

      O número de vulnerabilidades das aplicações é importante, e o internauta pode utilizar qualquer outro navegador ou aplicação concorrente.

  • renato

    os cara acredita em tudo kkkkkk

  • Elias

    Ah, tava na cara que esse artigo com essa declaração assim ia dar muito pano pra manga. Por sinal, então uso o sistema mais seguro de todos: Windows Vista, haha

    • MVP_Baboo

      Hehehe ao menos o visual dele era muito bonito..

  • Cara, é lógico que seriam reportadas mais vulnerabilidades no Linux do que no Windows.

    Quem conhece software livre (que não é o caso do MVP_Baboo, que está mais para um Windows Flag) quanto mais olhos direcionados a um local, mais fácil é de se encontrar (e corrigir, claro!) falhas. Esse é o princípio da “Lei de Linus”: Given enough eyeballs, all bugs are shallow.

    E mais: quem me garante que todas as falhas que o Windows possui são diagnosticadas (e consequentemente, resolvidas) de forma transparente? É muito difícil isso acontecer! Eles querem ao máximo passar a ideia de que é um sistema seguro. ¬¬

    Lamentável sim, o Baboo promover de forma tão RIDÍCULA tanta desinformação. :-/

    • Infinity

      Pela sua lógica, em um sistema de código aberto é mais fácil encontrar falhas? Logo, mais fácil para um cracker encontrar e explorar, certo?
      Não espere que um cracker encontre uma falha e reporte.
      Seguindo o mesmo raciocínio, em um sistema de código fechado é mais difícil de encontrar falhas?
      Site interessante para acompanhar falhas encontradas e correções de software em geral.
      http://secunia.com/community/

      • Exatamente!

        A lógica dos softwares livres é exatamente esta! E acredite cara, a quantidade de “crackers” (Meh!) que existem é bem inferior a de desenvolvedores responsáveis e íntegros. E mais, grande parte dos que são rotulados de “crackers” não passam de bundões, que usam aplicativos desenvolvidos por terceiros, para fazer “piada” com os outros.

        E sim cara, softwares de código fechado são mais difíceis de diagnosticar… acho que o próprio nome deles já diz o motivo. =P

        E dica: os melhores sites para analisar vulnerabilidades, são os dos projetos onde são desenvolvidos os softwares… Ah, esqueci! Os que código restrito não fazem isso, né?

        HA HA =P

  • Andy Priest Garcia

    Pára tudo que começou o mimimi! Linuxetes surtando!

  • Marcus Amorim

    Porque o Windows está separado em versões e o OSX e o Linux não? Só curiosidade.

    • Infinity

      Porque possui 99,9% de falhas em comum entre versões.

  • Rod

    Linux (mobile + desktop (todas as distros) + servidores, todas as versões de kernel)-> total de 119
    Windows (desktop (algumas versões) + server (algumas versões)) -> total de 248
    Acho que quem escreveu essa matéria não sabe fazer conta.
    PS: Imagina se fossem contabilizar também Windows XP, Windows 2000, Windows 98 e Windows 95.

    • Rover

      “PS: Imagina se fossem contabilizar também Windows XP, Windows 2000, Windows 98 e Windows 95.”

      Seria irrelevante, visto que não são mais sistemas suportados.

      • Fabricio

        A contabilidade daqui só existe em favor do Windows.

        • MVP_Baboo

          Não mesmo. O problema principal é que os seguidores do SL jamais aceitarão que o Windows tem menos vulnerabilidade que o Linux, pois isso contraria a crença deles. Se algum site publica isso, ele é taxado de mentiroso, FUD, propaganda da Microsoft & afins. Fica difícil manter uma discussão saudável dessa maneira..

          • Stive

            Bom, se pensar bem, o Baboo não quis atacar o Linux de forma alguma, até porque quando saiu aquele post dizendo que foram descobertas falhas no Windows 8.1 o Baboo colocou no site. Se fosse para proteger o Windows, o Baboo nem postaria algo, mas mesmo assim postou pois é uma notícia assim como essa.

            Vamos acabar com essas briguinhas porque não leva a lugar algum.
            Uso o GNU/Linux em minha casa, mas uso Windows no meu trabalho. Não critico o Windows, só acho que cada um deve utilizar o que quer.

          • MVP_Baboo

            Finalmente um comentário decente por aqui :)

            Nós somos provavelmente o site em português que divulga mais rapidamente as falhas e problemas com Windows, justamente para manter nossos internautas atualizados.

            Infelizmente para muitos linuxers nós “somos pagos pela Microsoft” (eu adoraria que isso fosse verdade, pois eu investiria em novos serviços no site e fórum) e tudo postado aqui ressalta as maravilhas de um Windows perfeito (algo irreal). URGH!

    • MVP_Baboo

      Essa matemática não funciona pois um mesmo bug pode afetar várias versões do Windows, e não deve ser contabilizado separadamente..

      • marcosshadow

        Isso prova que mesmo tendo tempo para recriar um outro sistema eles pecam no mesmo lugar (confiabilidade emm). Infelizmente devo dizer que Windows é bugado independente da quantidade de vulnerabilidade ele se buga por conta própria (Para de funcionar do nada,da erro de memoria misteriosamente, arquivos do sistema misteriosamente desaparecem, da conflito em situações que não tem pé nem cabeça. Em fim é melhor pensar 2 vezes antes de usar Windows de novo.

        • MVP_Baboo

          Se Windows fosse tão ruim assim, certamente haveriam mais reclamações dos 1,5 bilhão de pessoas que utilizam ele diariamente. Windows é muito seguro e confiável e 99,99% dos problemas dos usuários são de drivers e hardware.

          • Anderson Felipe

            Engraçado, 99% dos problemas são de drives e de hardware, desculpe amigo mas procura outro emprego você não sabe o que fala. Windows tem esse número forte de usuários porque pessoas como você que tem acesso a ferramentas de comunicações com grande escala, promovem a desinformação a eles visando apenas uma coisa “lucro” honestidade que é bom nada. toma vergonha na cara e vira homem pois não passa de um pirralho! Agora já sabemos a quantidade exata de usuários com sistema operacional mais vulnerável do mundo (1,5 bilhão) obrigado pela informação, inclusive a única correta.

          • marcosshadow

            1) Infelizmente isso não é real, primeiramente usuário Windows tente a ser preguiçoso, qual quer coisa que rode o que ele precisa pra ele está bom, muitos usuários num sabem nem instalar ou desinstalar um programa por mais simples que seja (pra ver o nível que os usuários
            estão). Seguro, para você tentar estar seguro vai precisar de um
            antivirus descente (de fato é barato mais não existiriam empresas
            que fornecessem esse tipo de serviço caso não fosse necessário e
            muitas tão ricas por aí).

            2) Sou técnico de informática a 5 anos usuário Windows a 10. Sim
            Windows Buga por nada, e não foi só é um PC foi em vários, e
            também tem as benditas atualizações que as vezes consegue a proeza
            de dar erro e simplesmente o Windows não volta mais. (tu acha que
            Windows dá dinheiro pra Técnico como ? Porque ferra fácil).

            3) Servidores Windows infelizmente não são grandes coisas (Já visituações de parar empresa por bugue do Windows server (e o suporte
            nem conseguiu auxiliar)… Foi resolvido facilmente a situação
            colocando Linux Server.

            Obs.:
            E outra coisa que o Windows peca muito… Os registros, acredito que algo de suma importância não deveria ficar tão aberto (pois dependendo de onde alterar ou mesmo apagar, bye bye sistema).

            Acredito eu que se a MS fosse mais ferro e fogo para tentar burlar ou mesmo caçar os piratas, e só tivesse opção de comprar original, queria saber quantas pessoas continuariam a usar o Windows.

          • MVP_Baboo

            Essa discussão vai longe e há muito para escrever. Infelizmente essa área de comentário não foi criada para isso. Se você quiser ir mais a fundo, poste um tópico no nosso fórum e eu participarei ali: http://forum.baboo.com.br/

            Eu uso Windows desde 1987, sou especialista nesse sistema operacional há 20 anos e já dei consultoria especializada para muitas empresas – incuindo multinacionais que tinham casos “impossíveis” e “insolúveis” que foram resolvidos em algumas horas.

            Resumindo:

            1. Usuários estão se lixando para segurança e instalam qualquer porcaria que vêem no Baixaki. Daí fica difícil mesmo. O primeiro passo é impedir que eles instalem programas ou acessem determinados sites.

            2. Atualizações são reversíveis até mesmo via Modo de Segurança e linha de comando bootando no DVD ou pendrive com Windows

            3. Sendo bem instalados e configurados, servidores Windows são extremamente eficientes e não dão problema. Aqui mesmo no BABOO usamos um servidor parrudo (24 cores, 128GB RAM, RAID 10..) rodando 7 VMs simultaneamente (inclusive esta que é o site) que são acessadas por 3 milhões de usuários/mês e não temos nenhum problema. Além disso o Azure utiliza somente Windows Server e tudo roda muito bem ali (incluindo VMs com Linux).

            4. Registro pode ser exportado, bloqueado, monitorado, backupeado até mesmo via linha de comando. Tudo é recuperável se o usuário fizer alguma besteira.

            E Windows caro é lenda. Ele custa 12 x R$ 35 em http://www.kabum.com.br/produto/46464/microsoft-sistema-operacional-windows-8-1-32-64-bits-wn7-00913 e custa apenas R$ 119 para estudantes (que não precisam pirateá-lo): http://www.microsoftstore.com/store/msbr/pt_BR/list/Windows-8.1-Pro-para-estudantes/categoryID.68055400 . Considerando que ele será utilizado por no mínimo 3 anos, o custo mensal dele é de cerca de R$ 10, ou seja, mais barato que um lanche no McDonalds.

            Windows é muito poderoso e não há motivo para deixar de usá-lo ou migrar para outro sistema operacional por causa de eventuais problemas, bugs & afins..

          • Night Side

            Eu ia dar uma resposta a esse MarcosShadow, mas o Baboo além de sempre ser muito cortês em suas palavras, já fez isso por mim ^^ Faço das suas palavras Baboo as minhas…

          • Night Side

            Logico que seu Windows vive bugando, vc nao sabe usar, quando vc aprender a usar Windows, vc vai ver que maravilha é de sistema operacional, e ai vc vai ver o que é liberdade de verdade, podendo instalar programas e mais programas, e n ficar preso a um sistema limitado cheio de dependências que só Deus sabe como resolver e que leva o logotipo “liberdade”, sendo que este te torna escravo do sistema, e sua única saída e virar um troll e endeusar o pinguim.

            Hah, vc nao é técnico, é um cara que formata HD dos outros, assim como eu pra ganhar uns trocados (como se diz técnico uma pessoa que nao sabe usar Windows, na boa, só pq vc liga o pc acha que vc é técnico é?), e vc deve saber muito bem que um usuário leigo desativa o controle de conta do usuário, alegando que aquilo enche o saco (no Linux só tem que ficar digitando senha toda hora que for instalar programa, ou será que nao?), vive pegando programinhas no Baixaki e quando vai instalar, nem lê nem nada, só sabe clicar em próximo e ai acaba ferrando todo o sistema com Baidu e companhia – fora que muitos desativam o firewall que vem com Windows falando que “assim vai ficar melhor”.

            Um usuário intermediário vive anos e anos com a mesma instalação do Windows, o meu Windows já vivi com ele por quase um ano e ele estava durante esse tempo como se tivesse acabado de formatar, isso pq eu sei usar ele, só formatei pq tive que trocar de pc. Vc mencionou o registro do Windows, tem um arquivinho em distribuições que usam o dpkg (os baseados em Debian, sistema que se diz estável) que está localizado em /var/lib/dpkg/status, vai lá e mexe nele, apaga ele, parece que n afeta em nada o sistema até vc fazer um sudo apt-get update ai meu amigo, nao fale mal do registro do Windows…

          • marcosshadow

            Não sei usar ? Primeiro de tudo, você nem sabe como faço uso do meu PC, segundo tenho certeza que se não fosse por causa desses bugs não
            precisaria formatar a metade do que já formatei, sim infelizmente Windows buga e eu não sou a única pessoa que passei por isso, usei o pc normal e desliguei, quando precisei ligar momentos depois, que merda ele n volta mais (isso é algo que acontece sabe disso, e já tive problemas com Windows 8 que foram irreversíveis com
            atualizações). Acontece situações que nem o modo de segurança consegue carregar. O primeiro problema do Windows pode ser isso instalar qual quer merda que você queira… Pegar um programa de fonte que você não sabe ser confiável, e dar uma baita m (e não nunca buguei meu pc dessa forma).Porém no Linux tem a central de programas que é totalmente confiável e testado pelas pessoas que fazem parte da comunidade da distro. E provavelmente você nunca deve
            ter usado linux é por isso que não gosta, ou se usou é tipico de usuário Windows que não tem paciência de ver algo novo. E muito pelo contrário Linux esta se expandido mais e mais a cada dia, as
            ferramentas que tem no sistema são fantatiscas os programas também, e quem gosta de jogo o suporte esta começando a tomar uma proporção que provavelmente usuário linux nenhum acreditaria. Endeusar foi forte, não faço isso, o problema que se eu vesse da forma que você está falando diria o mesmo ao seu respeito referente ao Windows. Use
            o linux verdadeiramente e você verá que não estou mentindo.

            Outro grande erro, sou formado e não sou mero formatador igual tu (sendo que nem trabalho diretamente nessa área).

            Na verdade é raro isso acontecer (usuário leigo mal sabe usar windows amigo). E Referente ao linux, você não precisa digitar senha toda hora mito, principalmente se você usa o terminal ou
            caso você instale vários programas seguidos, a central te pede senha apenas uma vez.
            Sobre o que você disse de ir clicando em next (seguir) isso mostra que usuário windows
            é preguiçoso e impaciente (motivos pelo qual desanimam a adentrar no mundo linux.
            Cara sobre o firewall do windows me desculpe mais para mim não presta pra nada (é pior do que estrume de vaca velha). E outra coisa, voltando o que você disse de programas, dependendo do
            programa ou jogo que tu instala tu sai abrindo as portas tudo do seu windows… Uiaa que legal!!

            Ate onde sei os arquivos de registros ele são bloqueados pelo próprio sistema (e não você colocando senha não resolve em nada, já
            que nem aparece tal janela, só a mensagem te
            proibindo e o mesmo vale pros files do sistema)
            você tem que fazer uma gambi, que na verdade nem
            sei ao certo fazer… kkkkkk

            Sobre viver anos e anos com a mesma instalação (nem para trabalho) só se tu abre a internet e desliga o pc logo em seguida cara. Com linux já vi pessoas que ficaram mais de 5 anos sem fazer formatação.

            E só mais uma coisa amigo se Windows fosse tão seguro (volto a refazer a pergunta) tu acha que teria um mercado de antivirus para essa plataforma ? Tu sabe que existe antivirus aos montes para Windows (e não é atoa).

            HARDWARE

            Comprei um HD de 500gbs a alguns anos trás (uns 8 anos ou mais), usei ele normalmente, até um belo dia que simplesmente o HD pifou (Acredite fiz de tudo com o Windows para tentar fazê-lo funcionar
            novamente). E parecia que nada adiantava, eu tinha naquele HD uns 200gbs de coisas importantes e precisava recuperar, fiquei com o HD em mãos parado por mais de 2 anos, tentando arrumar alguma forma de acertá-lo.

            Segundo windows ele tinha queimado, pifado ou seja a merda que for. Uma pessoa próxima a mim me disse do Linux (Ubuntu) que já viu HDs ferrados voltarem a funcionar e tals, não dei muito crédito mais mesmo assim tentei com o DVD do Ubuntu, e para a minha surpresa e conhecimento consegui recuperar todos os arquivos e ainda uso o HD com o ubuntu instalado.

            Amigo vou dizer uma coisa
            que provavelmente receberei muitas criticas (mais dane-se), Windows ferra Hardware também (os HDs são os que mais sofrem coitados, ele (windows) vai queimando seus blocos de uma maneira que não tem mais volta). Uso Ubuntu porque além dele manter a saúde da minha máquina, ele funcionada de maneira bem mais fluida (nuss agora o pessoal me
            xinga), mais é verdade cara, um exemplo simples já viu como funciona a steam para windows e para linux ? É outro mundo cara.

            Se linux fosse tão ruim assim o Windows não colaria algumas coisas do linux (iniciar que faz pesquisa online, isso tem no ubuntu a tempos) estão pensando em fazer multi-desktops wuaaaaaaaaaaaaaaa isso já tem no linux também ha alguns anos. Kkkk (Pesquise que tu vai achar mais coisas aee).

            http://www.itworld.com/article/2827071/open-source-tools/eight-features-windows-8-borrowed-from-linux.html

            Finalizando: Quem gosta de Windows e não quer mudar por nada, uéé fique com Windows. Se tu quer testar Linux recomendo Ubuntu e além disso aprender nunca é demais. Não seja mente fechada para testar os OS. Muitas pessoas falaram mal do Windows 8 mesmo assim testei. Devemos abrir a mente para as coisas. Tente testar algo novo.

            Abraço a todos.

            E escrevi igual louco aqui (desculpem os erros de pt).

          • MVP_Baboo

            Marcos, por tudo que você escreveu, está claro que você não conhece o Windows a fundo e por isso reclama tanto dele. Vamos lá:

            1. Windows não “buga” à toa: se a memória RAM estiver OK e disco rígido idem, não há motivo para preocupação. Muitos erros “inexplicáveis” que acontecem no Windows são devido a memória RAM bugada que corrompe arquivos. Windows no desktop e no servidor compartilham o mesmo kernel, NTFS e muitas outras funções – e no Windows Server esse problema praticamente não existe pois servidores utilizam memória ECC.

            2. Pelo visto você não usa Pontos de Restauração: se você instalou algum programa que “buga” o Windows, basta restaurá-lo para um ponto anterior a isso. Essa é a vantagem do Windows: há milhões de programas disponíveis para você utilizar sem precisar esperar “aprovação da comunidade”. E o uso de Pontos de Restauração é uma feature imporante para isso. Use-a.

            3. Usuário de Windows não tem interesse em Linux pois ele não tem interesse em trocar por algo mais limitado (em hardware e software). 99,9% das pessoas não tem interesse algum em “aprender algo novo” e não devem ser taxados de “preguiçosos e impacientes”: o usuário comum liga o computador, trabalha o dia todo com ele, e desliga no final do dia para ir para casa. Ele está se lixando para o resto pois para ele o Windows é apenas uma ferramenta do dia-a-dia – e não um produto para ser endeusado ou defendido pela sua ideologia! Se a mudança do menu do Office ou o sumiço do botào do Windows no Windows 8 já foi algo que gerou muitas críticas, imagine mudar de sistema operacional! Windows faz sucesso também pela sua facilidade de uso – incluindo a tecnologia de instalação NNF (Next Next Finish) :)

            4. Gamers podem usar Linux, mas a disponibilidade de jogos e eficiência dos drivers gráficos são mais limitados do que no Windows.

            5. Firewall do Windows é ótimo e é perfeitamente possível impedir que programas ou jogos abram qualquer porta – se você não sabe fazer isso (e pelo visto não sabe), não reclame dele.

            6. Arquivos de registro não são “bloqueados pelo próprio sistema”. Você tem acesso a tudo ali e pode inclusive definir permissões por chave do registro (ou impedir qualquer mudança nele por qualquer usuário). Se você acha que precisa “fazer gambi”, isso indica que você não conhece praticamente nada de registo.

            7. Um dos meus principais computadores utiliza Windows 7 desde 2009 e eu utilizo-o 7 dias por semana. Ele tem mais de 50 programas instalados (sempre atualizados), 12 VMs, várias aplicações de segurança, multimídia, edição de vídeo e trabalho com imagem e NUNCA precisou ser formatado ou teve qualquer problema. Isso levando em conta que ele tem 24GB de RAM, 2 SSDs, 4 HDs internos, 2 HDs externos e 1 pendrive de 64GB sempre conectado – e todo dia ele gera uma imagem de sistema em uma das 16 partições existentes! Esse computador nunca é desligado e o único momento que ele precisa ser rebootado é após instalar atualizações mensais da Microsoft. Se voc6e acha que o Windows “precisa de formatação de tempos em tempos” é outro indício que você não conhece muito sobre esse sistema operacional.

            8. Antivirus existe para impedir que o usuário seja infectado quando instala algo que não deve, já que o Windows é muito mais visado por criminosos pela quantidade de usuários dele. Idem para Android no mundo mobile.

            9. Windows “queimando bloco de HD” é tão absurdo que nem merece comentário. Para recuperar partições no HD você tem diversas aplicações específicas para isso no Windows e não há necessidade de recuperar via Linux ou qualquer outro SO.

            10. Você acerta em dizer que aprender nunca é demais: estude mais seriamente o Windows e suas aplicações e em breve você não terá tantas críticas dele :)

            IMPORTANTE: não escreva palavrões ou seu comentário será automaticamente bloqueado pelo sistema de comentários. Suas colocações podem ser perfeitamente descritas sem uso deles..

          • marcosshadow

            Primeiro de tudo o comentario postado era pro Night Side…

            1) Não creio que seja apenas problemas de memoria, então é algo aleatório as vezes buga e as vazes não. (é ridículo mais tudo bem).
            Situação qual não ocorre no linux.

            2) A para poxa (esta me chamando de leigo pelo visto)… Ponto de restauração uso, mais dependendo do que você instala o OS nao volta funcional da mesma forma (e como eu disse as vezes nem entra no sistema nem em modo de segurança, e o que acho engraçado que o windows pede para colocar o DVD para restauração do sistema e 70% das vezes não funciona.

            3) Como eu disse não estou endeusando nada, só tenho apresso pelo Sistema coisa da qual usuários comuns não fazem questão. E questão de facilidade ( você também não deve ter usado linux kkkk ) Linux não é difícil, fica difícil porque a pessoa se alto bloqueia para fazer as coisas. Sempre vi Photoshop como uma ferramenta complexa, mais peguei muita coisa tranquilamente. Incluindo a sofisticada tecnologia de instalação de programas (No linux é muito mais simples e mais rápido instalar pela Central de programas). Sobre as empresas de fato não sei muito a respeito e ao contrario do que você falou Ubuntu é destinado para usuários finais (facilidade extrema).

            4) kkkkkk, para mim esses vídeos não conta, primeiramente versão 15.04 esta em beta ainda isso pode acarretar em prejuízo de fps. E se caso reclamarem desse comentário Windows 8 na versão beta era ruim kkk. Tenterei fazer um teste com o mesmo game aqui.

            5) É se você proibir o game também não funciona, então da na mesma.

            6) na verdade não seria um gambi mais sim uma permissão digitada no terminal para apagar arquivos que tem no ubuntu. Uso Ubuntu a 1,5 anos e dessa época pra cá, está da forma dita por mim ae.

            7) Quando o uso do sistema é para trabalho é uma coisa, quando vira estação de jogo é algo diferente.

            8) É a vida né, mas mesmo assim pelo de ter varias distros isso seria mais uma barreira para os criminosos.

            9) Como eu disse O HD simplesmente não voltou, tentei fazer de tudo pelo o Windows e nada e sim seu precioso windows ele acaba com o HD.

            10) Incrível como pode estar incorreta sendo que tudo o que escrevi, é referente sobre as situações que já passei.

            Posso dizer o mesmo use mais o Linux pois você não tem conhecimento nenhum.

            E você não respondeu sobre o plágio das ferramentas linux….. kkkkk

            E sobre os palavrões não sabia que mrd era considerado como um. Peço desculpas.

          • MVP_Baboo

            Plágio? Agradeça ao Windows a “facilidade de uso do Linux”, pois muitos elementos da interface dele foram clonadas, digo, baseadas, do Windows justamente para facilitar a “migração” do usuário de Windows que não está acostumado a utilizar linhas de comando (mas nem isso ajudou a sua adoção). Inclusive há distros que são clones do Windows como http://thevarguy.com/open-source-application-software-companies/ubuntu-linux-clone-looks-windows-xp e http://news.softpedia.com/news/Q4OS-0-5-11-Linus-Distro-Is-an-Almost-Perfect-Clone-of-Windows-XP-Screenshot-Tour-442278.shtml :) Há muitos anos Linux, Mac OS e Windows compartilham muitas idéias entre si.

            Se você notar, eu não estou criticando o Linux: eu apenas mostro a você que as suas críticas ao Windows não tem muito fundamento. Quando há alguma comparação Windows x Linux, eu sempre posto links externos (como nos games ou GUI da distro) para comprovar que aquilo é real.

            Criminosos adoram massa de usuários: é por isso que no desktop o Windows é o foco dele, e no mobile o seu amado Linux (Android) sofre muito com malwares :)

            Sobre performance em game, o Ubuntu 14 é massacrado pelo Windows do mesmo jeito: https://www.youtube.com/watch?v=Eab2UI1Iq2w e https://www.youtube.com/watch?v=0ix_TLCEcm0 e muitos outros em https://www.youtube.com/channel/UCBu5HY4—D2BE2Au8BNz3Q

          • marcosshadow

            Cara referente ao plágio Windows foi acusado pela por ter plagiado o Mac. Estou falando de ferramentas não parte gráfica não vamos confundir as coisas. E referente a jogos sim ainda não esta igual ao windows pelo menos em alguns games, mais não quer dizer que o sistema não use todo o Hardware. O fato de ter que rodar os games sem o Direct X té um desafio louco e por isso que os games não tem um rendimento igual ou superior ao do Windows, mais com o tempo vai vim alternativas… Como sempre veio.

          • MVP_Baboo

            Windows sempre foi acusado de copiar, mas poucos se interessam em saber que a Apple também copiou o Windows http://www.pcworld.idg.com.au/slideshow/338585/top-10-features-apple-stole-from-windows/?image=1

            É preciso analisar com calma as “novidades” e “ferramentas” do Linux, pois muitas delas já existiam muito antes do Linux ser criado (UNIX, Amiga..), como desktop virtual, gerenciador de desktop & afins. Além disso, há muitas ferramentas de terceiros que foram criadas na época do Windows 95 que implementam no Windows features que ele não tem.

            Por fim, é preciso compreender que o Linux ser ótimo para você não significa que ele seja ótimo para todos. Além da CEF ter abandonado ele, o Banrisul também fez isso em 2006 quando resolveu substituir o Linux pelo Windows XP (de 2001) em 10.000 desktops, pois o Linux mostrou ser mais caro. Em 2011 a Alemanha também voltou para Windows depois de cansarem dos problemas de interoperabilidade do OpenOffice: http://www.baboo.com.br/software/governo-alemao-abandona-o-linux/

            Bem, vamos evitar comentários que não sejam relacionados ao artigo, senão essa conversa não terá fim ;)

            BTW ainda neste ano eu pretendo escrever um artigo completo sobre Windows x Mac e outro sobre Windows x Linux com dezenas de infos interessantes que eu publiquei nos últimos anos. Daí sim a discussão será mais profunda e detalhada (provavelmente será no fórum, pois esse sistema de comentários é muito limitado)..

          • marcosshadow

            1) Sim a ideia do
            Linux veio do Unix… acho que isso não é segredo pra ninguém.

            2) Sim Linux é um
            ótimo sistema para mim, mais não me interprete mal, como eu falei,
            testar nunca é de mais, pode ter certeza que quando sair a versão
            final do Windows 10 irei instala lá para fazer teste com ela (testes
            e não falar mal). Acredito que as pessoas devem ser assim não ficar
            no comodismo de pensar que o que elas usam já está bom, mais sim
            sempre buscar algo melhor.

            3) Sobre o
            OpenOffice não usei ele nessa época, entretanto com o LibreOffice
            não tive problema algum (uso ele para ler arquivos próprios e
            arquivos do MS Office, é muito bom).

            4) É uma boa ideia,
            se esse post já deu o que falar imagine algo relacionado diretamente
            ao assunto.

      • Rod

        OK, então.
        Linux (mobile + desktop (todas as distros) + servidores, todas as versões de kernel desde a 1ª versão)-> total de 119
        Windows (desktop (somente versões recentes!) + server (somente versões recentes!)) -> total de 248

    • Fernando

      Só olhar o gráfico e perceber que o padrão de vulnerabilidades encontra nas diferentes versões do Windows varia de 30 a 38 no total. Pode ver que no Windows 8 e 8.1 os números são os mesmos. O relatório só não explica se são novas vulnerabilidades encontradas de uma versão do windows para outra, o que não aparenta ser.

  • mendesbsb
  • mendesbsb

    kkkk, me diverti muito lendo essa bobagem

  • Murilo Morais

    Poxa baboo, que vergonha heim… promovendo desinformação… que feio…

    • Infinity
    • MVP_Baboo

      Feio é defensor de Linux vir aqui reclamar que ele tem mais vulnerabilidades que Windows pois não acredita que 119 é maior que 36 ;)

  • Leonardo Marques

    Não percam seu tempo com as pequenezas que se vê aqui (sempre aparece uma). A Microsoft não está preocupada pois ela já está usando Linux e diz isso publicamente: http://sempreupdate.org/microsoft-anuncia-uso-do-ubuntu-no-azure-confira/

    • MVP_Baboo

      Yep, há anos a Microsoft tem um dos maiores laboratórios de interoperabilidade e ela suporta várias distros Linux no Azure..

  • Rodrigo

    Senta que lá vem o show de criticas kkkkkkkkkkkkkkkkk

    • MVP_Baboo

      Como sempre.. os linuxers infestam o BABOO toda vez que postamos algo que ofende a crença deles ;)

      • Rodrigo

        Fazer o que não é mesmo Baboo, fato este que não muda e nem mudará em nada.

      • shdn2100

        A questão nao é usuarios de linux amigao… é o simples fato de vc nao saber respeitar o proximo, talves se vc fosse educado nao teria tantas pessoas assim querendo debater com vc.

        • MVP_Baboo

          Você só pode estar brincando.. eu apaguei mais de 20 comentários com ofensas de linuxers que vêm aqui somente para postar baixaria e ofensas pessoais. Isso é “respeitar o próximo”?

          O problema de discutir com linuxers é que eles trabalham com uma ideologia imutável (igual a qualquer seguidor religlioso) e jamais aceitarão que o SO deles é inferior ao Windows em vários aspectos. Além disso eles nem deveriam estar aqui, pois o foco do BABOO é Windows.

          Ao invés de bloquear os comentários deste artigo para evitar baixaria, eu sou educado e interessado em discussões CIVILIZADAS, mas isso é algo que nem todos conseguem. Felizmente essa infestação de linuxers dura pouco..

  • Anderson Felipe

    Lixo de informação! Apenas uma jogadinha lixosa de marketing ou um estagiário tosco contratado com permissão para postar fatos incoerentes!

    • Rogério L Santos

      Vixi mano negaida fica ofendida quando alguém fala mau da apple, na boa mano, nem sei que esta fazendo por aqui num site focado em windows.

  • Thiago Rodrigues

    A M$ esta pagando quanto a vcs?

  • Mike

    Quem trabalha na area de TI sabe , que essa materia é mentirosa e comprada por microsoft, sem contar que BABOO é um site patrocinado pela mesma MS, e vcs ainda perdem tempo descuntiando com o cara, Apple y google devem estar rindo dessa materia tediosa, fala Serio linux apple y mais vuneravel que Microsft, pare piada kkkkkkkkk

  • lehur

    Promovendo a desinformação, vergonhoso.
    Sempre soube que defendiam o windows a ferro e fogo, mas nunca tinha parado pra pensar o quanto ganhava com isso.
    No entanto, agora começo a parar pra pensar. Vergonhoso o que tentaram com essa matéria. Só perderam credibilidade.

    • Infinity
      • Lehur

        Eu não sei se você sabe ler em inglês e/ou fazer conta, mas se pegar as fontes de vulnerabilidades multiplataforma, e remover elas de todas as plataformas, daí separar as versões de kernel e plataforma como foi feito com o windows, já vai ter um valor mais próximo da verdade.

        Aí em seguida, tem que parar pra pensar na velocidade de solução dos problemas. Sinceramente vai ver, que vulnerabilidades reportadas, são muito diferentes de vulnerabilidades totais existentes…

        • Infinity

          Se você conhece o Windows, sabe que é uma mesma base para diversos SKU. Sendo assim, uma falha afeta todas as versões, e uma correção corrige todas.
          Por que deveriam ser somadas?

    • MVP_Baboo

      As vulnerabilidades falam por si só. Se você acha que isso é “perder credibilidade”, ok, mas mais de um milhão de internautas que vêm aqui todos os meses não pensam assim ;)

  • Sergio Fagundes

    Cade a tabela mostrando a fonte das vulnerabilidades? (Como se eu já não soubesse). E porque separou as versões de windows mas colocou as de linux todas em uma só? (Como se eu já não soubesse).

  • Sua fonte afirmar que o Linux e o OS X tem mais vulnerabilidade, depois na pagina da sua fonte tem uma outra tabela onde mostra de onde vem a vulnerabilidade, se a vulnerabilidade é no Chrome, Internet Explorer ou Programa N, a vulnerabilidade é do programa não do OS seja ele Windows, Linux ou Outro. Então não acho que essa afirmação é valida.

  • Kami Kazii

    Já não bastou o Lumia 930 (que não é o top da marca) destruir o iphone 6 agora foi finalmente assumido que:

    OS X, iOS e Linux são mais vulneráveis que o Windows

    Tadinho dos fanboys da apple e genéricos.

  • Guilherme C.

    1 – Nenhum sistema é totalmente seguro;

    2 – Ali fala de falhas reportadas. Sistemas abertos como Linux tem mais falhas reportadas pois tem mais gente pra encontrá-las. Como nenhum sistema é imune à falhas, quer dizer que encontrá-las é bom e não ruim;

    3 – Não é o números de falhas que importa, mas sim a velocidade que são encontradas e corrigidas. Nisso o Linux sai na frente.

    • Vinicius

      Concordo plenamente!

    • Nevellin

      Não há mais pessoas para reportar nem encontrar falhas no Linux. Ser um sistema aberto simplifica, mas há um montante absurdo de pessoas dedicadas a revirar o Windows procurando falhas.

      Mas concordo com todo o restante. Apesar de que, com falhas críticas, a Microsoft geralmente resolve rapidamente.

      • Guilherme C.

        Há pessoas que não estão no projeto, não são de empresas, universidades ou governos. É esse o número a mais, que faz até toda diferença no desenvolvimento do Linux. Veja como os independentes separados tem grande participação (none e desconhecidos):

      • Sergio Fagundes

        Em que buraco você se escondeu durante a crise do Zero Code?

        (Lembrando que no linux as últimas 3 falhas graves, foram resolvidas em menos de 4hs e já estavam disponíveis nos updates de todas grandes distros).

      • mendesbsb
        • kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk 19 anos?????? rápido!

          • MVP_Baboo

            Ao menos essa vulnerabilidade (que foi corrigida) só existia se o usuário utilizasse o IE. A vulnerabilidade GHOST do Linux é muito pior: ela existe desde 2000 e qualquer um pode ter acesso remoto a um servidor Linux: http://www.zdnet.com/article/critical-linux-security-hole-found/

            “(…) GHOST poses a remote code execution risk that makes it incredibly easy for an attacker to exploit a machine. For example, an attacker could
            send a simple email on a Linux-based system and automatically get
            complete access to that machine (…)”

    • shdn2070

      Se for avaliar principalmente estabilidade o linux da um pau no windows.

    • Infinity

      O que você quer dizer com falhas reportadas?
      Você acha que não existem pesquisadores o suficiente procurando encontrar falhas no Windows ou qualquer outro sistema?

  • Thiago dos Santos Nunes

    Agora algumas coisas são bem interessantes lendo o relatório da GFI:

    http://www.gfi.com/blog/most-vulnerable-operating-systems-and-applications-in-2014/

    83% das vulnerabilidades são devidas à aplicações e não ao S.O. (e o IE está no TOPO disparado, seguido de longe pelo Chrome e do Firefox).

    Somando S.O. + IE temos 278 vulnerabilidades de alto risco.

    Realmente a Microsoft tem feito um bom trabalho desde as bases do SDL com relação ao S.O. Acredito que trabalhar em um novo navegador (Spartan) seja hoje uma decisão acertada também por isso (além do filme queimado do próprio navegador no mercado).

    • Infinity

      83% de todas as falhas de software são de aplicações, e não de SO. Foi isso que você entendeu, né?
      Mas existem duas tabelas separadas também, uma só de falhas de SO e outra de aplicações.

      • mendesbsb

        E você soube lêr que todos os linux foram colocados juntos e os Windows separados que somados fazem 248 ponto, viva a M$ ganhou :) ops, perdeu :D

        • Infinity

          Por que falhas comuns entre versões devem ser somadas?

          • MVP_Baboo

            Yep, ele está errado justamente por isso.

        • MVP_Baboo

          A sua matemática não funciona, pois um mesmo bug pode afetar várias
          versões do Windows e não deve ser contabilizado separadamente. Além disso a tabela mostra apenas bugs no KERNEL do Linux..

          • Fernando Neto

            Não existe ‘kernel do Linux’, Linux é o kernel do OS GNU.

          • MVP_Baboo

            Então você precisa informar isso ao pessoal do http://www.kernel.org: “The Linux Kernel Organization is a California Public Benefit Corporation
            established in 2002 to distribute the Linux kernel and other Open Source
            software to the public without charge.”

        • Fabricio

          Comentário contra o windows, será negativado, ou sua matemática está errada.

      • Thiago dos Santos Nunes

        O que quero dizer é que 83% das vulnerabilidades do escopo total de 7 mil e tantas do banco de dados do governo são devidas às aplicações e não ao S.O. É só olhar o gráfico na matéria.

        Ou seja a maior parte é devido às aplicações, também é importante ver que a aplicação com o maior número de falhas de todas é o IE (ACHO QUE DARIA PARA FAZER UMA OUTRA MATÉRIA APONTANDO O IE COMO A APLICAÇÃO MAIS INSEGURA DE TODAS – de acordo com este relatório – :),

        Somar as diferentes versões do windows para somar as falhas do windows frente aos outros S.O. é burrice, senão teríamos que pegar TODAS AS VERSÕES DE OS da Apple e não só o OS X e por aí vai.

        Mas acredito que como o conjunto IE + Windows “vem junto no pacote” , já é pré-instalado na maioria das versões é válido somar IE + Windows numa análise rápida.

        Agora é importante fazer uma ressalva que o documento não apresentou quais versões do IE que apresentam esse número elevado de falhas, isso é só para o IE 11, ou é um acumulado de todos os IE (e isso vale também para o Chrome, Firefox). O documento é um tanto quanto vago neste sentido para uma análise mais séria, também temos que ter em vista que o uso do IE deve ser levado em conta, pois se a pessoa não usa não será afetada pela vulnerabilidade na maioria dos casos.

        • Infinity

          Se falhas do IE devem ser somadas ao Windows, isso significa que falhas de todas as aplicações devem ser somadas também. O que não faz sentido.
          O uso do IE é opcional.
          O Windows possui uma mesma base para diferentes versões. Uma falha pode afetar todas as versões e uma correção pode corrigir todas.
          Não faz sentido somar falhas de uma mesma base.

  • João

    O número de vulnerabilidades não condiz que um sistema é inseguro desde que as correções sejam feitas rapidamente como acontece no mundo GNU/Linux, as correções de vulnerabilidades são feitas em menos de 6hrs e elas são descobertas pelos desenvolvedores e reportadas. Já no Windows é diferente, a Microsoft esconde as vulnerabilidades, não é a toa que a Google está mostrando a todos as vulnerabilidades do WIndows. Matéria mentirosa, sensacionalista e sem fundamento, exijo uma retratação!

    • MVP_Baboo

      Hahahahaha retratação do quê? O total de vulnerabilidades é informação pública. Se você não gostou da soma delas, não reclame conosco. Além disso, o Linux tem uma inacreditável vulnerabilidade desde 2000 que permite a execução de código remoto: http://www.zdnet.com/article/critical-linux-security-hole-found/ . Isso é uma “correção rápida em menos de 6h” ? Não perca seu tempo aqui..

      Sensacionalismo e sem fundamento é defender que Linux é seguro :)

      • Guilherme C.

        As vezes acontece de escrever algo, principalmente quando vem de outra fonte, e passar uma informação equivocada no seu sentido é aceitável e até normal. Mas caramba, não foi o caso, pois pela afirmação horrenda “Sensacionalismo e sem fundamento é defender que Linux é seguro” (como alguém pode afirmar algo do tipo? É espantoso), parece ser proposital o FUD.

        Número de vulnerabilidades não define a segurança de software. São vários os aspectos que vem ser analisados e ao “esquecê-los” é ser sensacionalista sim. Os dados são “secos”, e mostram apenas números e não consideram a velocidade que falhas são encontradas e são corrigidas, nem mesmo o método de divulgação (afinal, em um software fechado eu posso simplesmente não mostrar nada) e nem mesmo o modelo de gestão de segurança.

        • MVP_Baboo

          OK mas vir aqui choramingar e não aceitar que o Windows tem menos vulnerabilidade do que os demais SO só porque a ideologia (e visão limitada) dele não aceita isso é demais, né? ;)

          Todos SO tem defeitos e toda segunda 3a feira de todos os meses a Microsoft lança pacotes de correção, pois ela trabalha exaustivamente para eliminar bugs dos seus produtos. Obviamente depois de um tempo o total de bugs do Windows e outros produtos da Microsoft diminui gradativamente. Isso não deveria ser motivo para discussão só porque defensores de outros SO não aceitam esse conceito básico..

          • Guilherme C.

            A questão não é ideológica, mas sim técnica, além de ética, uma vez que há afirmações que tentam desinformar ferindo o próprio princípio do jornalismo.

          • MVP_Baboo

            Se um maior número de vulnerabilidades não indica que a aplicação é mais vulnerável, então o problema é de compreensào básica do conceito de vulnerabilidade – e não de jornalismo em si :)

            O problema aqui é que muitos não aceitam o básico: que numericamente o Windows tem menos vulnerabilidades. Isso contraria a crença básica da religião open-source e por isso eles têm tanta dificuldade em aceitar a realidade, chegando até a pedir pateticamente uma “retratação”. Isso é um caso para a psiquiatria, e não para a área de TI ;)

          • Guilherme C.

            Ter vulnerabilidade (espécie) não é ver mais vulnerável (gênero). É isso que estou dizendo. O número “seco” de vulnerabilidade não faz o sistema 1 ser mais vulnerável do que o sistema 2. Muito menos afirmar tal monstruosidade binária de que o sistema 1 é portanto seguro e sistema 2 inseguro. Isso, aliás, falei que é questão ética, por tentar deformar informação em um meio jornalístico. Tal questionamento jamais pode ser levado pra esse lado do xingamento sem sentido (afirmação de que é problema psiquiátrico), que fica longe de uma discussão técnica e adulta.

          • MVP_Baboo

            Justamente por isso o título do artigo está correto: “OS X, iOS e Linux são mais vulneráveis que o Windows”, uma vez que 136 vulnerabilidades é maior do que 38 vulnerabilidades. Note que sequer citamos a palavra “segurança”.

          • Guilherme C.

            Vc não entendeu o que eu disse.

          • MVP_Baboo

            Entendi, mas essa discussão é inútil. Linux tem mais vulnerabilidades do que Windows, mas infelizmente muitos têm dificuldade de aceitar isso.

          • Guilherme C.

            Essa não é a discussão. A discussão é sobre a afirmação de “mais vulneráveis” (vulnerabilidade (espécie) não é ser mais vulnerável (gênero)) e a tal afirmação antiética que vc fez que Linux é inseguro.

          • MVP_Baboo

            Infelizmente não tenho tempo para conversa-fiada. http://www.zdnet.com/article/critical-linux-security-hole-found/ resume tudo: uma vulnerabilidade de 15 anos no Linux que permite acesso remoto. Se você não aceita isso e considera que ele é seguro mesmo tendo 3x mais vulnerabilidades do que o Windows, não há nada que eu possa fazer.

            Para finalizar, o artigo acima sequer tem a palavra “segurança” ou “inseguro”.

          • Guilherme C.

            Windows tinha uma falha de 20 anos (correção KB2992611 no Win8.1) tão grave quanto o Heartbleed e não é por isso que o sistema é inseguro. Afirmar que o Windows é inseguro com base nisso não é só atécnico, mas algo sem sentido.

          • MVP_Baboo

            Tão grave aonde?? Schannel vem desabilitado por default no Windows. A discussão toda é que muitos não aceitam que 119 é maior que 36. Se fosse o contrário (Windows com 119 vulnerabilidades, ao invés do Linux) eles não reclamariam. Os tempos mudaram, mas muitos não aceitam isso..

          • Guilherme C.

            A falha foi considerada grave não só por analistas de segurança, mas pela própria Microsoft: technet. microsoft. com/ library/security/ms14-nov
            Mas isso não faz do Windows inseguro. Não é uma falha ou o número dela que faz do sistema algo inseguro, vulnerável. É isso que estou explicando e vc não quer entender por maniqueísmo bobo.

          • Guest

            Não entendo porque tanta discussão, se o Guilherme C. defende o Linux, que use o Linux, pois cada um define o que vai usar e seus recursos de segurança, mas concorco com MVP_Baboo (novamente) sobre a questão da quantidade de vulnerabilidades. O fato está público e não foi inventado.

          • Guilherme C.

            Vc não entendeu qual o cerne da questão que estou falando e repetindo.

          • Infinity

            Cara, você está até agora discutindo um relatório que foi divulgado da mesma forma pela mídia especializado do mundo todo. Ou você só lê o baboo?
            Isso é um relatório que diz quantas falhas foram encontradas em cada software no ano todo de 2014.
            Qual o problema?

          • Guilherme C.

            O problema é o que estou falando. Basta ler o que escrevi pra entender.

          • Infinity

            Acha que o título deveria ser: OSX e Linux têm mais falhas encontradas em 2014 do que o Windows?
            Acha que ameniza?

          • Guilherme C.

            Faz mais sentido, pois além de terem mais falhas, não quer dizer que não foram corrigidas. Não faz sentido supor que eles continuam lá. Mas esse nem é o problema, o problema é o FUD do Baboo. Além disso meus comentários foram apagados propositalmente pelo site, é só ver acima.

          • Infinity

            Mas o relatório está dizendo apenas o número de falhas encontradas no ano de 2014.
            A discussão nem é se foram corrigidas, pois acredito que foram. Se não o Google que agora é o xerife da internet já teria colocado a boca no mundo.

          • Guilherme C.

            É justamente por isso e pela minha explicação (não sei até quando vai ficar no ar, pois pode ser apagada pelo site como outros comentários) que a afirmação que Linux e Mac OS X são mais vulneráveis não é tecnicamente correta (a afirmação que Linux é inseguro feita pelo Baboo nos comentários é absurda). É isso que estou há tempos dizendo.

          • Infinity

            Ele está dizendo que o Linux tem um maior número de vulnerabilidades encontradas.
            Isso está incorreto?

          • Guilherme C.

            Eu já expliquei isso dezenas de vezes aqui. A afirmação na fonte da notícia e aqui está dizendo que Mac OS X e Linux são mais vulneráveis. O que está tecnicamente errado. Ter mais vulnerabilidades de segurança, ou seja, falhas encontradas, é diferente de ser mais vulnerável.

            Vulnerabilidade como gênero, que significa insegurança, é medida com um conjunto de fatores e não somente o número de falhas, ou vulnerabilidade como espécie, encontradas.

            Eu escrevi aqui justamente pra explicar isso e a resposta que tive do Baboo foi justamente uma réplica atécnica, de senso comum e com muita parcialidade (não esqueça que é diferente de neutralidade):

          • Infinity

            Então no seu entendimento, uma falha de nível HIGH no Linux, não é tão HIGH quanto no Windows?
            É isso?

          • Guilherme C.

            Não. Esse não é o assunto e não estou falando disso.

          • MVP_Baboo

            Guilherme, há menos de 4 anos os servidores da própria Linux Foundation foram hackeados e os aquivos do kernel.org foram infectados por trojans na semana anterior. Isso não é exatamente um cartão de visita de quem vende segurança, certo? ;)
            http://www.eweek.com/c/a/Security/Linux-Foundation-Linuxcom-Hacked-in-Kernelcom-Breach-504793

          • Guilherme C.

            Esse evento foi descoberto pela própria gestão de segurança da Fundação. Ele foi bem documentado, corrigido e modificado o plano de acesso dos administradores. Todo problema nem foi no Linux, mas na maneira que se acessa, pois a invasão se originou de um usuário-administrador contaminado. Nada do kernel foi comprometido, mas depois disso as diretrizes de segurança pra administradores mudou.

            E dizer que Linux e Mac OS X são inseguros é cair do ridículo.

          • MVP_Baboo

            Para qualquer pessoa de bom senso, ridículo é uma empresa que vende segurança ser invadida e ninguém dali notar isso por mais de 10 dias (!!!). No mundo de pinguinzinhos mágicos isso pode até fazer sentido, mas no mundo real isso é patético.

          • Rogério

            Guilherme não existem Sistemas Operacionais seguros, existem S.O com menor número de falhas.

          • MVP_Baboo

            Aqui não é Orkut aonde você pode postar qualquer lixo. Vir aqui defender que o nro de vulnerabilidades é FUD do BABOO é pedir para ter o comentário apagado. Se você não aceita as vulnerabilidades listadas no National Vulnerability Database (NVD), então reclame com eles – e não conosco.

            Se usuários de Linux querem perder tempo aqui, ok, mas o BABOO é focado em Windows.

          • Guilherme C.

            Vc não entendeu o que falei, não quis entender e atacou deliberadamente (falar que eu tenho problemas psiquiátricos por afirmar que a afirmação maniqueísta de “linux é inseguro” é antiética?), passando longe do profissionalismo.

            Além disso suas afirmações são atécnicas, fantasiosas e tenta a todo momento fazer um maniqueísmo, uma guerra infantil e inútil entre sistema, uma guerra binária sem sentido. Veja suas afirmações, veja até essa tentativa novamente de argumentar que Linux é inseguro baseado numa informação falsa (afinal, o sistema não foi invadido por falha de software, mas por falha na gestão de acesso de administradores no servidor. Um usuário contaminado propiciou a invasão, invasão que não resultou em problemas algum, só morais, pois a investigação tirou do ar o site).

            Afirmar que Linux e Mac OS X são inseguros é cair no ridículo e não tem embasamento técnico e racional algum, caindo apenas numa discussão quase carnavalesca.

          • MVP_Baboo

            Guilherme, eu não sou obrigado a aceitar seus argumentos fantasiosos e sua explicação que beira o desespero em que “vulnerabilidade não é vulnerabilidade”. E repetir incessantemente que “eu não entendi” não tornará a sua idéia aceitável. Eu entendi e considero ela absurda, como qualquer pessoa que tenha bom senso.

            Se você acha o Linux mais seguro que o Windows e os meus argumentos são atécnicos e fantasiosos ótimo, então comente isso com os mantenedores do kernel.org que foi miseravalmente invadido e durante 12 dias nenhum lixuner dali se deu conta disso. Mais patético impossível, além disso demolir NO MUNDO REAL a sua teoria infantil que Linux é seguro. Nem o pessoal do kernel.org deve acreditar mais nisso ;)

            BTW perca menos tempo com conversa-fiada pseudo-técnica que visa apenas defender a sua crença demagógica e leia mais o que acontece NO MUNDO REAL com o Linux.

            O BABOO é focado em Windows, eu sou especialista em Windows, e sinceramente estou me lixando se linuxer não gosta do que postamos aqui – principalmente quando a fonte da notícia é um site de segurança do governo americano! Se os linuxers não concordam com as informações dali, então reclamem com eles ao invés de virem aqui.

            Certamente há milhares de sites na web que aceitam discussões pseudo-filosóficas e totalmente inúteis sobre SL, mas não somos um deles :)

          • Fernando Henrique dos Santos

            Guilherme C. Vai dormir cara, pois ela não compreendeu até agora o que você esta querendo dizer. Chego a achar que mesmo desenhando ele não irá compreender.
            Uma coisa é fato: gastou-se mais tempo nessa discussão do quê na analise dos dados que foram mostrados no cru, puros, sem interpretação solida e objetiva.
            Sim, o Win tem menos vulnerabilidade e ponto. Sim, o Linux tem mais vulnerabilidade e ponto final.
            A matéria não esta nem aí pra dizer o nível de cada uma desses pontos vulneráveis e os riscos claros para os usuários. Não se importa em distinguir as diferentas que há no universo Linux, chegando a dizer (entrelinhas) que ele é um só.
            A falta de analise profissional torna, de fato, a matéria infantil (parecendo que foi feita por um aluno do ensino fundamental) e tendenciosa.

            Querem que eu afirme, mesmo parecendo redundante: quem faz do sistema bom ou ruim é o/a usuário operante.

          • MVP_Baboo

            Essa falha é grava MAS ela só funciona via IE: se o usuário utilizar outro navegador, essa vulnerabilidade deixa de existir.

          • João

            Eu vi que o Windows tem 248 vulnerabilidades no total e que o Linux tem 119. Agora se for para separar, separe Android e cada distro linux.

          • Infinity

            Versões recentes do Windows têm 99% de falhas em comum.
            Por que deveria soma-las?

          • Cadê o “tem que ter argumento para comentar aqui”? O argumento: “Infelizmente não tenho tempo para conversa-fiada.” é muito válido! Até porque o Guilherme C. tem muito mais argumento técnico pra isso!

          • MVP_Baboo

            Os links que eu postei comprovam o que eu defendo. Quando o Guilherme C começou a defender que a existência de vulnerabilidade não significa que o sistema seja vulnerável, a discussão começou a perder o sentido. O que ele defende não é um “argumento técnico”: é conversa-fiada de quem não tem argumento melhor – e não perco tempo com esse tipo de discussão-padrão-Chapolin-Colorado ;)

          • João

            Meu Deus!!! Some as vulnerabilidades separadas do Windows!!!! Ô Raça!!!

          • Infinity

            Na minha empresa todos os computadores usam Windows 8.1.
            Como eu deveria fazer esse calculo?

          • Infinity

            Cara, isso é relatório. Só.

          • Sergio Fagundes

            Detalhe quantas versões de linux kernel e distros existem? E quantas de windows? Porque linux foi colocado tudo numa mesma linha mas windows foi dividido?

          • frugalmind

            Usei Windows por 15 anos, até descobrir o Linux! Conheço os dois sistemas, ou seja, os dois lados da moeda. Não acredito que essa matéria possa ser realista, sendo que:

            1. No Linux Kernel incluiu-se o Android (um absurdo isso).
            2. O Windows foi separado por diversas versões como se fossem sistemas operacionais diferentes, porquê?
            3. Então, na soma geral dos SISTEMAS OPERACIONAIS Windows são um total de 258 vulnerabilidades.
            4. As pesquisas das vulnerabilidades do Windows reportadas foram feitas somente nos U.S.A.
            5. E por último, quantas vezes o Linux sofreu um ataque por sua vulnerabilidade que se passou despercebida durante 15 anos?

            Acorda Baboozada!!

          • Laércio

            Por que houve separação das versões do Windows e das da Apple e o Linux foi reportado como um só? O Baboo sempre foi tendencioso, isso é fato; prova disso: https://infoxp.wordpress.com/2008/06/27/baboo-alfineta-mozilla-e-tenta-forjar-imagem-da-empresa/ e recentemente noticiou uma falha que já havia sido corrigida no Linux. Venda Microsoft, mas não tente denegrir outros sistema.

        • Infinity

          GFI é uma empresa pioneira em monitorar e catalogar todas as falhas dos principais softwares do mercado.
          Não é exatamente ela quem encontrar as falhas.
          Ela é uma empresa no estilo secunia.com, que já é até referência nisso, muitos pesquisadores encontram as falhas e reportam para o fornecedor e para essas empresas que catalogam falhas.
          Qual o intuito dessas empresas?
          Ela vendem softwares que você instala nos computadores ou na rede da empresa e ele avisa quando existe alguma vulnerabilidade não corrigida no sistema e indica a correção para ser instalada.
          Não existe nenhum interesse em dizer que um é mais seguro que o outro.
          Os dados são secos mesmo, aliás, isso não passa de relatório.

      • shdn2070

        Linux não é seguro, o windows é muito mais seguro, mas vc querer tentar dizer q microsoft é perfeita, isso é ridiculo, e o site é aberto ao publico cada um posta o que quer.

      • Sergio Fagundes

        Falando do Ghost? Como sair executando qualquer aplicativo não é coisa que um linuxeiro vá fazer (clicar em executáveis por email, isso é coisa de usuário windows) não é considerado como problema prioritário, mas mesmo assim foi resolvido http://www.ubuntu.com/usn/usn-2485-1/

    • Vatrinux

      Usei Windows por 15 anos, até descobrir o Linux! Conheço os dois sistemas, ou seja, os dois lados da moeda. Não acredito que essa matéria possa ser realista, sendo que:

      1. No Linux Kernel incluiu-se o Android (um absurdo isso).
      2. O Windows foi separado por diversas versões como se fossem sistemas operacionais diferentes, porquê?
      3. Então, na soma geral dos SISTEMAS OPERACIONAIS Windows são um total de 258 vulnerabilidades.
      4. As pesquisas das vulnerabilidades do Windows reportadas foram feitas somente nos U.S.A.
      5. E por último, quantas vezes o Linux sofreu um ataque por sua vulnerabilidade que se passou despercebida durante 15 anos?

      Acorda Baboozada!

  • Kami Kazii

    Agora senta e chora. As meninas defensoras vão passar mal. kkkkkkkkkkkkkkkk
    QUAL É MAIS SEGURO?! HUM, WINDOWS. KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK

  • Guest

    No geral, quanto mais bugs achados e corrigidos, melhor. E o relatório conta como Linux apenas o kernel, o que engloba distribuições desktop, todos os dispositivos Android, etc. Ou seja, um universo MUITO, mas MUITO maior do que Microsoft Windows.

    E não, não acho que nenhum sistema seja totalmente seguro. E nem que Windows seja péssimo: por ter sido o mais popular esmagadoramente durante anos (e não mais, no geral), naturalmente é sempre era o alvo maior.

    • Infinity

      Qual é o tamanho do Kernel Linux e qual o tamanho do Windows?
      Qual tem mais linhas de código?

      • Guilherme C.

        Windows tem milhões de linhas de código a mais do que o Linux. Juntando o fato de ser fechado torna a descoberta de falhas e sua correção mais lenta.

        • MVP_Baboo

          Você só pode estar brincando.. desde 2002 o código-fonte do Windows está aberto para empresas, escolas e parceiros analisarem através do Shared Source Initiative: http://www.microsoft.com/en-us/sharedsource/default.aspx

          • Guilherme C.

            O código é aberto pra certos segmentos, não é open source. Há uma diferença notável que interfere no ciclo de desenvolvimento.

          • MVP_Baboo

            OK mas o código do Windows PODE ser revisado mesmo com código-fonte sem ser open-source, invalidando argumento que o código fechado do Windows é inacessível e não se sabe o que há ali..

          • Guilherme C.

            Não afirmei que o código é inacessível. Afirmei que não é código aberto e o, portanto, o modelo de desenvolvimento e de publicização do código é muito diferente. Software de código fechado não tem acesso irrestrito e nem uma governança mais aberta do código aberto como do Linux. O modelo de abertura de informação típico do kernel Linux possibilita maior facilidade de encontrar falhas e corrigi-las em tempo menor. É em virtude do modelo de desenvolvimento aberto que o ciclo de desenvolvimento é mais veloz, inclusive.

          • MVP_Baboo

            Sim, mas é preciso separar a ficção da realidade. Uma aplicação open-source não é mais segura pelo fato de ter seu código aberto – tanto que a vulnerabilidade GHOST permite execução de código remoto desde 2000 http://www.zdnet.com/article/critical-linux-security-hole-found/ – algo inexistente no Windows.

            A ladainha da vantagem do código-aberto deveria ser abandonada há muito tempo..

          • Guilherme C.

            Não é por ser aberto que é mais seguro, mas no tamanho do projeto, como é do Linux, onde há milhões de linhas de código e centenas de empresas, universidades, fundações no projeto, mais desenvolvedores independentes resultado sim em uma maior possibilidade de encontrar falhas. Além disso a governança diferenciada com publicização aberta contribuem pra dar velocidade às correções.

            Se ver os dados de desenvolvimento, há grande participação de desenvolvedores anônimos, que não são financiados ou tem participação livre e não fixa (tenho dados mais novos, mas esse está mais em mãos e serve pra exemplificar):

          • Infinity

            Você é da área e sabe muito bem que todo mundo é inocente até que se prove o contrário.
            2014 explica.

          • Sergio Fagundes

            O GHOST já foi corrigido a tempos, só não foi levado a sério uma vez que precisa que o usuário interceda (diferente do windows onde grande parte das vulnerabilidades podem ser executadas remotamente).

            E permitir que pessoas escolhidas a dedo possam verificar partes do código é diferente (e muito) de ter todo código a disposição para auditar por qualquer pessoa.

          • Lord Kievous

            Inexistente no Windows? Desculpe-me, mas então o senhor deve estar mal informado. A Microsoft corrigiu em novembro uma vulnerabilidade que estava presente desde o Windows 95, e que também premitia execução de código remoto: http://www.pcworld.com/article/2846004/microsoft-fixes-severe-19-year-old-windows-bug-found-in-everything-since-windows-95.html

          • Lord Kievous

            *permitia

        • Infinity

          Quando uma falha é encontrada no Windows, todo mundo diz: olha lá, tem falha porque o código é fechado.
          Agora você está dizendo que ter o código fechado é mais difícil encontrar falhas?
          Então podemos dizer que ter código fechado o torna mais difícil de ser explorado?

          • Guilherme C.

            Código aberto e escrachado é mais fácil de encontrar falhas. Como a segurança do sistema não depende só dessa frase todos estamos salvos, pois justamente por ser mais fácil de encontrar falhas pode-se corrigi-las mais facilmente e rapidamente. E como estou dizendo faz um bom tempo, a vulnerabilidade do sistema é medida em um conjunto de quesitos e não somente no número de falhas de segurança.

          • Infinity

            Não, tecnicamente, vulnerabilidades são medidas em nível alto, médio e baixo.
            Ainda não criaram uma definição diferente, mas você pode dar sugestão à indústria.

          • Guilherme C.

            Está confundindo gênero com espécie.

          • Infinity

            Negativo, você que está querendo que acreditemos que falhas encontradas na espécie Linux são menos perigosas do que falhas encontradas na espécie Windows.

          • Guilherme C.

            Onde falei isso? Onde fui maniqueísta?

  • Vinicius

    Discordo totalmente deste artigo, a diferença é que as Vulnerabilidades do Linux são corrigidas mais rápido que no Windows.

    E outra, nenhum Sistema é mais seguro do que o outro, todos são vulneráveis.

    Por favor, não vamos começar as guerrinhas denovo não…

    • Infinity

      Qual vulnerabilidade do Windows não foi corrigida?

      • João

        A Google está dando tempo pra MIcrosoft corrigir as vulnerabilidades, porque se não fosse isso, ia sair uma lista bem extensa de vulnerabilidades. Mas se o Windows é tão seguro, não use anti-vírus, anti-malware e nem anti-spyware :)

        • Nevellin

          Google está dando tempo para a Microsoft corrigir as vulnerabilidades??? Sério que li isso??? Oh meu…
          Aceite que dói menos. Ele tem menos vulnerabilidades que os 2 “sistemas super seguros” dos fanboys das internets.

          O choro é livre para todos os públicos.

          • Vinicius

            Nevellin, o Linux pode ter mais vulnerabilidades que o Windows, mas graças a Deus a comunidade se propõe a corrigir as falhas de imediato, não como a Microsoft que sabe que tem uma vulnerabilidade e espera para corrigir depois de um tempo!

          • MVP_Baboo

            A Microsoft lança correções mensais para seus produtos, e se houver necessidade de corrigir algum bug importante, a correção é disponibilizada antes disso.

          • João
          • Infinity

            Você quer dizer que a falha não foi corrigida até hoje?

        • MVP_Baboo

          Antivirus é fundamental, pois Windows é o maior foco de criminosos e nada supera a ignorância do usuário independentemente do sistema operacional..

  • Cell

    Só que quando ocorre um problema por causa da uma vulnerabilidade no Windows, ela é de maior impacto, visto que os S.O. Windows está presente em maior quantidade nos computadores mundiais.

  • Rubemar Pinto

    Meu caro, pelo jeito vc deve ser um usuário fanático, quem vivi e trabalha na área de TI, não pode ser fanático, tem de estar sempre bem informado e buscar informações o tempo inteiro, sobre todas as plataformas. leio informações aqui desde 2002, e um site muito serio que traz muitas e excelentes informações sobre a plataforma Windows. agora se você, não enxerga as coisas com algum bom humor seu problema vai bem mais além de Fanatismo.

  • Rubemar Pinto

    KKKKKKKKKKKKKKKKKKKK em um site cujo mesmo defende com unhas e dentes
    a microsoft, e seu windows. seria estranho se a noticia fosse o
    contrario, kkkkkkkkkkkkkkkkk

    • Rogerio Silva

      O que voce esta fazendo aqui entao lendo sobre windows e microsoft? Vai la pro site linux ou mac xiita.

      • MVP_Baboo

        Exatamente! Eles vêm aqui como penitência pela crença deles proibir a aceitação que Linux tem mais vulnerabilidades que o Windows – e quem sofre com isso somos nós ;)

        • Jonas Leonel

          isso aqui ta com cara de primeiro de abril…kkkkkkk. Eu uso Linux e windows , sei bem que ambos tem falhas. mas botem uma coisa na cabeça de vocês: sabe a internet, é essa mesmo que estamos usando para dialogar nesne exato momento, ela só existe por que o linux existe ! mas de 90% dos servidores de internet no mundo usam uma distro linux. E se existem vulnerabilidades elas são expostas e corrigidas em tempo hábil (menos de 90 dias). O windows não é o diabo de ruim não, ele tem sim melhorado e se tornado mais seguro, mas ainda precisa melhorar e deixar de dar suporte a mais de milhoes de vírus que existem só pra ele.

          • MVP_Baboo

            Tecnicamente a internet como conhecemos só existe por causa do Windows: sem o volume de usuários de Windows que começaram a usar o Mosaic em 1993 e Netscape em 1994, ela jamais teria decolado pois não haveria mercado que justificasse o investimento privado nela.

            O Mosaic foi lançado para Amiga, Mac, Unix e Windows, e se dependesse apenas dos usuários dos três primeiros, hoje não estaríamos nos comunicando dessa maneira. A internet só “decolou” quando ela se tornou comercial devido à massa de usuários que aumentava dia-a-dia – e eles usavam Windows. Ninguém investe $$$ em algo que não tem consumidores, certo? :)

            Servidores UNIX e Linux foram necessários para a internet pois não havia no mercado outro sistema operacional tão eficiente para isso, e até hoje eles permanecem nesse nicho.

          • Jonas Leonel

            Uma coisa é ser usuário da rede e outra totalmente diferente é prover a rede. O que eu mencionei anteriormente tinha esse sentido. Não vou negar que a maioria dos usuários da rede ainda estão usando windows, mas isso pode mudar nos proximos anos devido principalmente a tecnologias mobile presentes nos smartfones como o android e ios. Voltando ao assunto principal, tenho alguns anos trabalhando com TI e sei bem quantas vezes já formatei computadores por ocorrencia de vírus, tela azul e bugs sem sentido algum (erro nº) e sem nenhuma explicação por parte da microsoft. A grande verdade e que um computador rodadndo windows precisa ser periodicamente examinado pro antivirus, antispiwares e etc pra no final ser formatado . O linux também tem seus bugs ,mas existe uma comunidade do tamanho do mundo pra te ajudar a resolver. Por este motivo é que é bem comum as vulnerabilidades do linux serem expostas, justamente para serem resolvidas. Mas é o seguinte: cada um usa o sistema que quer, desde é claro que saiba utiliza-lo.

          • MVP_Baboo

            OK mas eu discordo apenas da necessidade de formatar o Windows ou ele ter problemas periódicos. Vírus (incluindo rootkits) não é motivo para formatação pois basta removê-lo com as ferramentas corretas ou usar pontos de restauração, e idem para tela azul (aonde drivers bugados e hardware usualmente são os culpados) e atualizações do Windows podem ser facilmente revertidas.

            Muitos preferem formatar por ser o caminho mais rápido (e lucrativo para quem cobra por hora ou serviço), mas isso é rarissimamente necessário. E para piorar, sequer fazem o básico: instalar Windows + todos updates, depois instalar aplicações + todos updates, e por fim criar uma imagem do sistema e um ponto de restauração com essa instalação limpa. As pessoas fazem o que querem com Windows, transformando-o em uma “colcha de retalhos” com dezenas de aplicações inúteis ou maliciosas vindas de sites de download, e depois reclamam que o Windows está lento e com problemas.

            Exemplo simples: de tempos em tempos eu recebo notebooks para analisar, e já peguei casos do Windows 8 levar mais de 3 minutos para ser iniciado e aparecer tela azul depois disso! Bastou desinstalar mais de 40 programas inúteis (incluindo do fabricante), vários antivirus free rodando simultaneamente, além de lixos tipo Baidu, PC Faster & outros e otimizá-lo da maneira correta, e o Windows 8 voltou a ser “usável” e rápido. Obviamente eu instalei bloqueador de banners e bloqueei o acesso a sites de download via hosts, e até hoje seus donos comentam que o notebook “ficou novo” depois que eu mexi nele.

            Não tem mistério: se você bloquear o acesso a sites de download e instalar um bloqueador de banners nos navegadores dos seus usuários, os problemas, lentidão e travamentos cairão 99%

          • Lawtonnt

            Bom dia pessoALL;
            A discusão foi longa hein??!!! :-P
            Bem, pelo que entendi da discução, o vilão da estória foi o título, se alterasse “…são mais vulneráveis…” para “…tem mais vulnerabilidades….” a discução seria menos.
            Já tive certificações Microsoft, já trabalhei com Windows e hoje trabalho com Linux e uso-o também em casa.

            Concordo que 90% das infecções e/ou invasões só ocorre por “descuido” do usuário (pode ser tb um mal admin).

            Concordo com o Baboo quando disse em defender o S.O do usuário e o problemas somem! Evitem ter acesso full time como administrador!!!!

            Uso em meu laptop RHEL7 Client + antvírus da F-Secure (sim, pago anulmente 50 doletas à RedHat) e estou feliz.
            Se vc quer usar Windows, então use. Se quer usar Apple, use. Se vc quer usar Linux, use. Mas sempre lembrando que VOCÊ faz a segurança de seu computador.

            Abraços.

    • Infinity

      Por um acaso você viu que a fonte de informações é uma empresa especializada em monitoramento de vulnerabilidades de software?

      • Rubemar Pinto

        E por acaso eu disse que e mentira ???? Cara vocês estão tanto na defensiva que parece ate que vocês estão duvidando da noticia afff….

        • anonymousfreak

          Chora hater!

      • Kami Kazii

        esquece ele, todo animal irracional tem cegueira seletiva. só faltava alguém mostrar, mas mesmo assim este tipinho vai continuar cego.

      • MVP_Baboo

        Todas as vulnerabilidades estão publicadas em http://nvd.nist.gov/. A GFI apenas contabilizou elas.