Ir para conteúdo

Fragmentação de arquivos: o que é, porquê ela é ruim, e como resolver


Mensagem Recomendada

  • Administrador

O artigo abaixo foi atualizado em 2019 com informações adicionais a atualizadas deste vídeo publicado em 2017:

Nesse artigo você compreenderá o que é fragmentação, porquê ela é ruim e como resolver esse problema.
Quando um arquivo é salvo no disco rígido ou SSD, ele não é salvo inteiro: ele sempre é salvo em pequenas partes.

Se houver um espaço livre contínuo, essas partes são salvas sequencialmente, ou seja, uma após a outra – mas se não houver espaço livre contínuo que permita que essas partes sejam salvas juntas, então elas são divididas e salvas em locais diferentes.

E quando isso acontece, dizemos que o arquivo está fragmentado:

Exemplo de arquivo fragmentado

E se milhares de arquivos são salvos em dezenas de milhares de fragmentos, o disco rígido perde muito tempo localizando esses fragmentos que estão dispersos – e isso gera lentidão quando os arquivos são lidos e principalmente quando eles são salvos. É por isso que se diz que se o disco rígido está muito fragmentado, o Windows fica lento. E fica mesmo!

A imagem abaixo é um ótimo exemplo disso tudo: aqui temos um arquivo com 520 MB que tem nada menos que 6.890 fragmentos, além de vários outros com milhares de fragmentos – inclusive o arquivo Windows.edb (que é o arquivo de indexação do Windows) que tem mais de 1.750 fragmentos:

Exemplo de muitos arquivos fragmentados

Ao clicar neles, é possível visualizar a quantidade absurda de arquivos distribuídos pelo disco:

Arquivo de 778 MB com 4.183 fragmentos

Arquivo de 7,8 GB com 1.754 fragmentos

Quando o arquivo de 6.890 fragmentos BABOO Curso 01 parte 1.mkv for lido por completo, o disco rígido precisará localizar todos esses 6.890 fragmentos para montar o arquivo final, tornando a sua leitura lenta.

Arquivo de 525 MB com 6.890 fragmentos

Quando o arquivo BABOO Curso 01 parte 1.mkv for desfragmentado, todos os 6.890 fragmentos são reunidos e salvos de maneira contínua e ordenada. E embora o tamanho do arquivo permaneça o mesmo, o acesso a ele é muito mais rápido, e com isso o Windows trabalha mais rápido.

Abaixo você tem o resultado final: após a fragmentação do arquivo BABOO Curso 01 parte 1.mkv, o arquivo que tinha 6.890 fragmentos agora tem agora apenas UM único fragmento, tornando a sua leitura muito mais rápida.

Arquivo de 525 MB com apenas UM fragmento

E perceba que mesmo após a desfragmentação de todos arquivos do disco rígido, o arquivo Windows.edb continua totalmente desfragmentado:

Arquivo Windows.edb continua totalmente fragmentado

Por que isso aconteceu?

Isso aconteceu pois esse arquivo é um arquivo importante que está em uso pelo Windows, e o próprio Windows impede que ele seja copiado ou movido.
Nesse caso, o programa de desfragmentação tem a opção de ser configurado para desfragmentar na inicialização do Windows, permitindo que arquivos importantes sejam desfragmentados ANTES do carregamento do sistema operacional:

Desfragmentação na inicialização do Windows

O Windows tem um desfragmentador próprio, mas eu sugiro o uso de um desfragmentador gratuito que é muito mais completo e eficiente do que o do Windows: o Defraggler. Você deve baixá-lo do site oficial dele clicando aqui.

Ao executar o programa de instalação do Defraggler, escolha o idioma Português Brasileiro e inicie a instalação:

Instalação do Defraggler gratuito

Agora desclique a opção de ver as novidades dessa versão e clique no botão verde para executar o Defraggler:

Execução do Defraggler gratuito

Agora vamos configurá-lo. Clique em Configurações > Mapa do Dispositivo > Visão Customizada, escolha 12 x 12, Estilo Plano e Barras. Clique em OK:

Configuração do Defraggler

Agora clique novamente em Configurações > Opções > Desfragmentar e clique na opção Mover arquivos grandes para o final do volume. Como tamanho mínimo coloque 1000 e clique em OK:

Defraggler: mover arquivos grandes para o final do volume

Agora clique na aba Saúde e ali você saberá se o seu disco rígido com os parâmetros corretos, que é algo que o chkdsk da primeira aula não verifica. Se a temperatura está na cor verde e não tiver nenhuma linha vermelha nessa lista, isso indica que tudo está OK.

Abaixo está a imagem do Defraggler indicando que está tudo OK (BOM e temperatura de 38 graus, sendo que o ideal é sempre estar abaixo de 49 graus) e a lista de variáveis não contém nenhuma linha vermelha:

Saúde do disco rígido OK

Esta imagem, por outro lado, mostra que o disco rígido tem problemas e certamente vai pifar em pouco tempo. Nesse caso eu sugiro você fazer backup dos dados do seu computador pois o disco rígido está com algum problema e pode eventualmente pifar de vez.

Saúde do disco rígido com problemas

Agora clique em Configurações > Desfragmentação na Inicialização > Executar uma vez e clique em não. Isso fará com que a próxima vez que o Windows for iniciado, antes disso acontecer o Defraggler vai desfragmentar os arquivos que o Windows impede que sejam copiados ou movidos, conforme eu mostrei no início desse artigo:

Desfragmentação na inicialização do Windows

Agora clique no botão Desfragmentar para iniciar a desfragmentação:

Desfragmentação de arquivos

Se aparece Otimizar ali, isso significa que você está usando um SSD. Mesmo assim clique na seta, escolha Desfragmentar, clique em Sim na janela e a desfragmentação iniciará. Seja paciente pois ela pode durar algumas horas.

Desfragmentação de arquivos mesmo se for SSD

Se você estranhou o fato de eu desfragmentar o SSD, que é algo que todos falam para NÃO fazer, então assista meu artigo detalhado sobre otimização de SSD e você compreenderá que não há nenhum problema em fazer isso: os benefícios compensam ? 

[]s
 
Aurélio “Baboo”

forum-baboo-assinatura.png

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • 1 ano depois...

Eu tenho uma dúvida, o senhor acha eficiente tentar manter 0% de fragmentação no Windows? Mesmo que não seja em arquivos importantes ou constantemente acessados pelo Windows?

Meus certificados

Screenshot_1.png.7ac77e9f82a7a69e95b31c258884eb1e.png

Desktop - CPU: Intel Pentium Dual-Core E5800 3.20GHz | RAM: 2GB de RAM DDR2 Dual-Channel 533MHz (2x1GB) | Motherboard: Intel Desktop Board D945GCCR | Monitor: Samsung T24B350 Full HD (1920x1080) | GPU: NVIDIA Geforce 210 (1GB VRAM) | HD: Western Digital 465GB SATA 1 100MB/s - Windows 8.1 Pro

 

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Há 2 semanas...
Em 14/07/2021 at 12:00, João Vitor M. R. disse:

Eu tenho uma dúvida, o senhor acha eficiente tentar manter 0% de fragmentação no Windows? Mesmo que não seja em arquivos importantes ou constantemente acessados pelo Windows?

Na realidade é complicado sempre manter em 0, porque constantemente você esta escrevendo arquivos e quando apaga algo esse espaço em disco fica vago e pode começar a fragmentar, mas mesmo assim é interessante seguir a orientação do @Baboo, para executar a cada 15 dias.

 

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Há 4 semanas...

@Baboo Ao executar o Defraggler no computador de uma cliente o nível de fragmentação aumenta. Já verifiquei o HD com o Data Lifeguard mas não foram encontrados problemas. Verifiquei o HD com o PC3000 Disk Analyzer mas não foram encontrados setores ruins, apenas setores lentos (muitos). Executei o chkdsk /r mas para corrigir o FAT mas também não resolveu.

O que mas eu poderia fazer para solucionar este caso?

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • 1 month later...

Eu tenho uma duvida.
Se um HD é particionado em 2 ou 3 partições, a partição 1 onde esta o Windows instalado esta em bom estado de fragmentação, mas as outras partições estão muito fragmentadas, isso pode prejudicar o desempenho do Windows 10 e Windows server, deixar essas partições fragmentadas???
Um abraço..

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

5 horas atrás, 3222594 disse:

Eu tenho uma duvida.
Se um HD é particionado em 2 ou 3 partições, a partição 1 onde esta o Windows instalado esta em bom estado de fragmentação, mas as outras partições estão muito fragmentadas, isso pode prejudicar o desempenho do Windows 10 e Windows server, deixar essas partições fragmentadas???
Um abraço..

Sim prejudica pois a lógica de acesso aos arquivos apesar de serem outros, é a mesma.

1651787081_Semttulo5.png.087c0be2052545954d01c3015478d7d1.png

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites


Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Quer postar a sua dúvida? Cadastre-se pois é rápido e fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora
×
×
  • Criar Novo...