A Microsoft anunciou hoje em seu blog a disponibilidade do Azure Service Fabric 5.5 e do Azure Service Fabric SDK 2.5.

Baixe o Azure Service Fabric 5.5

Se você estiver usando o Visual Studio 2017, as ferramentas do Service Fabric já estão presentes. Neste caso só é necessário instalar o SDK disponível aqui.

Se você estiver usando o Visual Studio 2015, instale o SDK e as ferramentas disponíveis aqui.

O novo pacote “standalone” para Windows Server pode ser encontrado aqui.

Entre as novidades no Azure Service Fabric 5.5 e no SDK estão o suporte para pacotes de aplicações mais compactos para agilizar o processo de upload, melhorias na detecção de erros durante o upgrade, integração com ASP.NET Core, suporte para .NET Core usando o sistema de projeto csproj no Visual Studio 2017 e mais.

A lista com todas as novidades pode ser vista no post com o anúncio da Microsoft.

Microsoft anuncia o Azure Service Fabric 5.5

Azure Service Fabric

O Azure Service Fabric é uma plataforma de sistemas distribuídos que torna mais fácil empacotar, implantar e gerenciar microsserviços escalonáveis e confiáveis, bem como resolver desafios significativos no desenvolvimento e gerenciamento de aplicativos em nuvem.

Ao usar o Service Fabric, desenvolvedores e administradores podem evitar problemas complexos de infraestrutura e se concentrarem na implementação de cargas de trabalho essenciais e exigentes que são escalonáveis, confiáveis e gerenciáveis.

Principais recursos do Azure Service Fabric

Ao usar o Azure Service Fabric, você pode:

• Desenvolver aplicativos massivamente escalonáveis, que são autorrecuperáveis.

• Desenvolver usando uma abordagem “datacenter no seu computador”. O ambiente de desenvolvimento local usa o mesmo código que é executado nos datacenters do Azure.

• Desenvolver aplicativos compostos por microsserviços usando o modelo de programação do Service Fabric ou hospedar executáveis e outras estruturas de aplicativo de sua preferência, como ASP.NET, Node.js, etc.

• Desenvolver microsserviços com e sem monitoração de estado e torne-os altamente confiáveis.

• Simplificar o design do seu aplicativo usando microsserviços com monitoramento de estado em vez de caches e filas.

• Implantar aplicativos em segundos.

• Implantar no Azure ou em nuvens locais que executam o Windows Server ou o Linux sem qualquer mudança no código. Escreva uma vez em qualquer lugar e implante em qualquer cluster do Azure Service Fabric.

• Implantar aplicativos em densidade mais alta do que as máquinas virtuais, implantando centenas ou milhares de aplicativos por computador.

• Implantar diferentes versões do mesmo aplicativo lado a lado, cada um atualizável de modo independente.

• Gerenciar o ciclo de vida dos seus aplicativos com estado sem nenhum tempo de inatividade, incluindo atualizações imediatas ou não.

• Gerenciar aplicativos usando APIs .NET, PowerShell ou interfaces REST.

• Atualizar microsserviços e aplicar patches neles dentro dos aplicativos de modo independente.

• Monitorar e diagnosticar a integridade de seus aplicativos e definir políticas para realizar reparos automáticos.

• Escalar vertical ou horizontalmente o cluster do Azure Service Fabric com facilidade, sabendo que os aplicativos são dimensionados de acordo com os recursos disponíveis.

• Observar o balanceador de recursos de autorrecuperação administrar a redistribuição de aplicativos entre os clusters do Azure Service Fabric para se recuperar de falhas e otimizar a distribuição da carga com base nos recursos disponíveis.

Saiba mais sobre o Azure Service Fabric, seus preços e outros detalhes clicando aqui.