Durante sua palestra na Campus Party 2013, evento que acontece nesta semana em São Paulo, o desenvolvedor de aplicativos e MVP da Microsoft Bruno Sonnino ofereceu boas dicas para aqueles que pretendem desenvolver um aplicativo para a plataforma Windows 8.

Dicas para desenvolver apps para Windows 8

Dicas para desenvolver apps para Windows 8

Sonnino ressalta que os desenvolvedores devem prestar muita atenção em alguns pontos específicos, principalmente na experiência do usuário, que é fundamental para que o app seja bem sucedido uma vez que é lançado na loja.

Além disso, há mais alguns princípios que o desenvolvedor deve ter em mente na hora de criar seu aplicativo, como:

– Ser um app rápido e fluído

– Suporte para tela sensível ao toque assim como para teclado e mouse

– Apps conectados entre si e com o sistema operacional

– Compatibilidade com todos os dispositivos e computadores

Soninno diz também que há inúmeras possibilidades para que o aplicativo seja difundido, como a exposição dele em uma loja que está em mais de 30 países. Ele até comentou durante a palestra que certa vez um sueco pediu para traduzir um de seus aplicativos. “Eu nunca imaginava em fazer isso. Um aplicativo em sueco. E agora ele está lá, disponível”, afirmou o desenvolvedor.

Dicas para desenvolver apps para Windows 8

A apresentação seguiu com algumas demonstrações de aplicativos simples criados tanto em CSharp, quanto em Javascript, HTML e CSS. Todos eles possíveis de serem criados com o Visual Studio Express. Segundo Sonnino, a plataforma Windows oferece todas as APIs necessárias para a criação de um aplicativo, além de dar 70% da receita dos primeiros US$ 25 mil em vendas do app para o desenvolvedor. Depois disso, 80% de toda a renda é de quem criou o aplicativo.

Bruno enfatiza, no final de sua palestra, que o principal é criar um ambiente de execução funcional e oferecer uma boa experiência ao usuário. Elementos como a usabilidade e o fato de gastar pouca bateria de um dispositivo, por exemplo, é crucial na hora de desenvolver.