R7
BABOO

CONTATO
ANUNCIE
SUGESTÕES
RSS
COPYRIGHT

Home Hardware Tecnologia

Em nota, a agência especial europeia, ESA, anunciou nesta semana que realizará um treinamento para desenvolver medidas preventivas caso um asteroide entre em rota de colisão com a Terra futuramente.

ESA realizará testes com asteróides

ESA realizará teste com asteróides

Chamado de Asteroid Impact and Deflection mission (AIDA), o projeto faz parte do programa espacial “Space Situational Awareness”, ou SSA. Seu objetivo será enviar duas espaçonaves até outubro de 2022 em um asteroide próximo da terra onde uma entrará em colisão com o mesmo enquanto a outra analisa o efeito.

O propósito deste teste será investigar a física de colisões em alta velocidade entre asteroides e espaçonaves. “A vantagem é que as espaçonaves são simples e independentes. Eles podem completar a sua investigação sem a necessidade de outra”, disse Andy Cheng, líder da repartição norte-americana do AIDA.

Para que as chances dos asteroides não sem querer mudem a sua rota de colisão e no fim atinjam a terra, foram escolhidos asteroides binários. Isto faz com que os cálculos do impacto e a sua previsão de trajetória sejam calculados com maior facilidade. A previsão é que a rota seja alterada em 0,5% a 1%.

A ESA também afirma que o AIDA terá como outros objetivos conhecer mais sobre a história do sistema solar, assim como desenvolver relatórios sobre o perigo de lixo espacial.